ISTOÉ Gente

Cantor Zé Felipe termina noivado com bailarina do Faustão, segundo colunista

Crédito: Reprodução Instagram

Chegou ao fim o noivado do cantor Felipe e da bailarina do Faustão, Isabella Arantes. Segundo a coluna de Léo Dias, do UOL, o casal colocou um ponto final na relação. No final do ano passado, o filho do cantor Leonardo, pediu a mãe da bailarina em casamento durante uma viagem romântica juntos.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Vale lembrar que o casal passou por uma saia justa quando estavam juntos, no dia em que Zé Felipe postou uma foto ao lado de Isabella anunciado o namoro, o jogador Neymar, que é amigo da bailarina, também publicou uma foto com a gata em seus Stories, no Instagram, onde aparece ao lado dela e de Gabriel Medina, relembrando quando eles curtiram o ano novo juntos em 2019, na Bahia.

Vote:
As 50 mais sexy de 2020
Os 50 mais sexy 2020

Zé Felipe não gostou muito da situação e fez um vídeo dizendo que tinha muita gente comentando do Neymar e em tom de deboche disse: “Se tivesse essa bola toda já seria o melhor do mundo”.

Com o término do noivado, o casal já não se seguem mais nas redes sociais e apagaram todas as fotos que tinham juntos na web.

Veja também

+Cidadania divulga calendário de pagamentos da extensão do auxílio emergencial

+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ Entenda por que seu cão segue você até no banheiro

+ Nova Honda CB125F 2021 consegue fazer o recorde de 67 km/l

+ Fazenda 2020: Mariano e Jake se beijam na área externa da casa

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea