ISTOÉ Gente

Xuxa detona novo ministro da Educação: “Para educar, não se deve usar a dor”

Crédito: BLAD MENEGHEL

Amar para educar e não punir para educar. Essa é a premissa que a apresentadora e empresária Xuxa Meneghel defende.

Em 2014, a “Rainha dos Baixinhos” esteve no Senado para debater leis que proíbam castigos físicos em crianças.

“Quando eu penso que tá ruim… consegue ficar pior”, disse Xuxa, ao se referir ao novo ministro da Educação, Milton Ribeiro. Ela compartilhou um vídeo onde o ministro apoia a prática da violência como método de educação.

Ribeiro defende que a criança “deva sentir dor”. A apresentadora argumenta: “Uma criança que receba castigos físicos só pode aprender que violência gera violência”.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel