Esportes

Xangai cancela evento da NBA por conta de tweet de dirigente

ROMA, 09 OUT (ANSA) – A cidade de Xangai, na China, cancelou nesta quarta-feira (9) um evento para os fãs organizado pela NBA, a liga norte-americana de basquete, por conta do tweet do gerente geral do Houston Rockets, Daryl Morey, apoiando os protestos em Hong Kong.   

Segundo um comunicado da secretaria de Esportes de Xangai, o evento foi cancelado pelos “comentários fora de lugar” do executivo norte-americano e do comissário da NBA, Adam Silver, que apoiou Morey.   

O evento da NBA seria realizado nesta quinta-feira (10) e seria acompanhado no dia seguinte por uma partida de exibição entre Brooklyn Nets e Los Angeles Lakers. Ao contrário do encontro com os fãs da modalidade, o jogo ainda não foi cancelado pelas autoridades chinesas.   

Logo após uma partida de pré-temporada do Houston Rockets em Xangai, Morey postou uma foto no Twitter com a legenda: “Lute por liberdade. Esteja com Hong Kong”, se referindo ao movimento contra a influência de Pequim no governo da região.   

Mesmo que o tweet do dirigente tenha sido apagado, o posicionamento do norte-americano não repercutiu bem em solo chinês, onde o Houston Rockets é o time mais popular da NBA. Em pouco tempo, a franquia texana sofreu diversas retaliações, como perda de patrocinadores.   

Após o caso ter tomado grandes proporções, Morey voltou ao Twitter e emitiu um pedido de desculpas pela mensagem.   

Silver, por sua vez, declarou que a liga norte-americana “seguirá apoiando a liberdade de expressão e também a liberdade de expressão da comunidade NBA”. A onda de protestos em Hong Kong já dura meses e teve início por conta de uma lei que autorizava a extradição de suspeitos de crimes para a China continental, mas logo se tornou um movimento de eleições livres e contra o governo de Carrie Lam, que é apoiada por Pequim.(ANSA)