ISTOÉ Gente

Viviane Araújo posta clique de biquíni fio-dental e ganha elogios: “Gostosa”

Crédito: Reprodução Instagram

Viviane Araújo, de 45 anos, fez a temperatura subir na tarde desta sexta-feira (18). Em seu perfil no Instagram, a atriz compartilhou uma foto em que aparece aproveitando um dia de calor no Rio de Janeiro.

“Quem quer o brilho do Sol tem de adquirir habilidade para superar as tempestades!”, escreveu Araújo na legenda do post do qual ela surge usando um biquíni fio-dental.

Veja também:
A Fazenda: Após levar bronca da produção, Jojo Todynho pede óleo ungido a Edir Macedo
Eduardo Costa grava DVD no Pantanal e barco encalha: “É normal acontecer isso”

+ “Filho é um inferno e atrapalha”, diz Fábio Porchat sobre não querer ser pai

A artista arrancou muitos elogios de seus seguidores, fãs e admiradores como “Gostosa”, “Sempre maravilhosa”, “Linda”, entre outros.

Confira a publicação de Viviane Araújo:

+ Polícia aborda ambulância com sirene ligada e descobre 1,5 tonelada de maconha

View this post on Instagram

Quem quer o brilho do Sol tem de adquirir habilidade para superar as tempestades! #sol #luz #brilho #paz #amor @vilagale

A post shared by Viviane Araujo (@araujovivianne) on

Veja também

+ A incrível história do judeu que trabalhou para os nazistas na Grécia
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela
+ Novo Código de Trânsito é aprovado; veja o que mudou
+Jovem é atropelado 2 vezes ao tentar separar briga de casal em Londrina; veja o vídeo
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel
+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês
+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Educar é mais importante do que colecionar
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea