Mundo

Viúva do ex-líder sérvio Slodoban Milosevic morre aos 76 anos

Viúva do ex-líder sérvio Slodoban Milosevic morre aos 76 anos

Mirjana Markovic, viúva de Slobodan Milosevic, em uma sessão no Parlamento em Belgrado em 24 de outubro de 2001 - AFP

A viúva do falecido ex-homem forte sérvio Slobodan Milosevic, que era chamada de “Lady Macbeth dos Bálcãs”, morreu na Rússia aos 76 anos.

“Posso confirmar que, infelizmente, Mira Markovic faleceu”, afirmou por telefone Milutin Mrkonjic, amigo da família, sem revelar detalhes.

A imprensa informou que Markovic morreu em um hospital de Moscou.

Em 2003, Markovic – que era conhecida por ter uma grande influência sobre o marido – abandonou a Sérvia depois de ser acusada de abuso de poder e suspeita de envolvimento em um caso de contrabando de cigarros, assim como também no misterioso assassinato, em agosto de 2000, do ex-presidente Ivan Stambolic.

Em 2008, a Rússia concedeu a Markovic e a seu filho, Marko Milosevic, asilo político depois que a Sérvia emitiu uma ordem de prisão internacional para ambos no caso do suposto contrabando de cigarros.

Slobodan Milosevic morreu na prisão em março de 2006 durante um julgamento por genocídio, crimes de guerra e crimes contra a humanidade no Tribunal de Crimes de Guerra da ONU para a ex-Iugoslávia em Haia por seu papel chave nas guerras dos anos 1990 que dividiu os Bálcãs.