Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

A advogada Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, confrontou uma ação de Victor Elias Fontenelle, conhecido como MC VK, contra uma testemunha da morte do funkeiro. As informações são do UOL.

+Caso MC Kevin: Amigos prestam novos depoimentos e negam versão de modelo

+‘Tomou’, alfineta Sônia Abrão sobre eliminação de Viviane Araújo de ‘Super Dança dos Famosos’

+Em viagem no Chile, Leticia Spiller elogia protocolos contra a covid no país: ‘Relevância’

Os advogados de MC VK apresentaram uma queixa-crime por calúnia e difamação contra o cantor português Fernando Dimmy Junior após ele afirmar que viu o cantor incentivar MC Kevin a se pendurar na sacada do prédio onde caiu.

Deolane disse que foi ela quem pediu que investigasse a testemunha. “Eu fiz essa requisição para saber se ele estava lá no quarto de hotel, vendo tudo. Eu pedi que o delegado investigasse, se não fosse por registros de check-in, que fosse por câmeras. Aqui não tem tonta, não. Mas investiga lá a garota de luxo. Ela também fala que você estava na sacada. Investiga não, denuncia ela. Você sabe! Então, para vocês que estavam me pedindo um posicionamento, é isso: eu que fiz questão que fosse investigado se o rapaz estava lá mesmo”, afirmou.

Deolane ainda afirmou que sabe que Victor estava na sacada junto com o ex-marido. “Eu sei, Victor, que você estava lá na sacada. E você também sabe. Anjinho… só falta a auréola, né?”, afirmou.