Economia

Vendas pendentes de imóveis nos EUA caem 1,2% em março ante fevereiro


As vendas pendentes de imóveis nos Estados Unidos caíram 1,2% em março ante fevereiro, a 103,7 – quinto mês consecutivo de queda -, de acordo com indicador da Associação Nacional de Corretoras (NAR, na sigla em inglês) do país. Analistas ouvidos pelo The Wall Street Journal previam recuo de 1,8%.

Em relação ao mesmo período do ano anterior, as vendas caíram 8,2%.

O indicador é um sinal antecipado das vendas de imóveis baseado em contratos assinados.

“Os grandes ganhos repentinos nas taxas de hipoteca reduziram o conjunto de compradores de casas elegíveis e, consequentemente, diminuíram a atividade de compra”, disse o economista-chefe da NAR, Lawrence Yun.