Geral

Veja casos de famosos que foram presos por não pagar pensão alimentícia

Crédito: Reprodução

A prisão pela falta de pagamento da pensão alimentícia se tornou recorrente, especialmente no universo dos artistas. Confira os casos de famosos que foram detidos por não pagar o valor da pensão.

Tornozeleira

O ator André Gonçalves teve sua prisão decretada por conta de uma dívida de mais de R$350 mil em pensão alimentícia para sua filha Valentina Benini, de oito anos. O artista tem 60 dias para se apresentar à justiça e ele ainda deverá usar tornozeleira eletrônica. Desempregado de 2016, o advogado de André disse que sempre que consegue um trabalho, ele paga algum valor, mesmo que não seja integral. A filha é fruto da antiga relação com a atriz e jornalista Cynthia Benini. Veja:


Não quis pagar

O cantor Marcelo Falcão, ex-vocalista da banda O Rappa, teve a prisão decretada pela justiça por problemas no pagamento de pensão alimentícia, uma vez que o artista não quis pagar o valor à sua filha Ágatha. Por causa da pandemia, a prisão será domiciliar terá duração de dois meses. O decreto foi emitido, mas o cantor se encontra no exterior. Após esta decisão, Marcelo se manifestou nas redes sociais sobre o assunto. Confira:

Pego na academia

Em 2018, o ator Dado Dolabella foi detido quando saía de uma academia, em São Paulo. A prisão decretada por dois meses foi determinada pela Justiça do Rio, uma vez que o artista não pagou a pensão alimentícia. Sua dívida chegou ao valor de R$196 mil. Fabiana Vasconcelos Neves, ex-esposa do ator, foi quem contou à polícia onde o ex-companheiro estava. Assista:

22 horas na cadeia

Em 2009, o ex-jogador Romário precisou passar algumas horas atrás das grades, após a justiça decretar a sua prisão por não pagar a pensão alimentícia aos filhos no valor de quase R$90 mil. Em 2004, ele ficou preso, pela primeira vez, por seis horas. Confira:

Redução do valor

Em 2018, o ex-jogador de vôlei Giba foi processado pela ex-mulher Cristina Pirv por causa da pensão alimentícia dos filhos, no valor de R$300 mil. Desde 2017, Giba tenta reduzir o valor da pensão alegando que não ganha mais o mesmo salário de quando era jogador de vôlei. A defesa disse que estava tentando provar que ele não tem mais condições de pagar e que a ex-esposa teria condições de bancar a metade das despensas dos filhos. Veja:

Preso 3 vezes

Em 2018, o ex-jogador de futebol Edilson foi preso acusado de não pagar a pensão alimentícia. Ele foi detido em Rio Negrinho, em Santa Catarina, onde participava de um evento esportivo. Vale ressaltar que Edilson já foi detido mais três vezes pela mesma situação. Confira:

Conta bloqueada

O cantor Latino foi processado pela filha mais velha, que entrou na justiça pedindo pensão alimentícia retroativa, em 2018, no valor de R$400 mil. Por causa do processo, a conta do artista foi bloqueada. Veja:

Antes do show

Em 2016, o cantor Thiago Servo, da dupla Thaeme e Thiago, foi preso minutos antes de subir ao palco por não pagar pensão alimentícia. O pagamento estava atrasado há um ano. Assista:

Três processos

Em 2020, o ex-jogador Vampeta enfrentou três processos por pensão alimentícia movidos pela ex-mulher Roberta Soares Galiza, mãe de suas duas filhas de 16 e 19 anos. A história veio à tona em 2019, mas a ex-esposa resolveu se manifestar depois que Vampeta deixou de pagar o convênio das meninas no Brasil. O valor acumulado das pensões ultrapassa o valor de R$260 mil. A advogada de Roberta pediu à justiça a prisão do ex-jogador. Confira:

Saiu de reality show

Em 2016, o ex-menudo Roy Rossello teve a prisão decretada por não pagar pensão alimentícia ao filho Enrico, de 9 anos. O cantor foi preso enquanto estava participando da 7ª edição de “A Fazenda”, da Record TV e, por conta disso, sua participação no reality show foi suspensa. No vídeo, a ex-esposa Patrícia Rossello abriu o jogo sobre este drama. Assista: