Esportes

Vasco lança camisa para ajudar em obra do CT e no combate ao coronavírus

O Vasco lançou, nesta terça-feira, uma camisa alusiva ao novo CT do clube. A apresentação do uniforme, até por causa das restrições impostas pela pandemia do coronavírus, foi realizada através das redes socais, tendo contado com a participação do zagueiro Leandro Castan e do meia-atacante Talles Magno.

A camisa será uma recompensa aos vascaínos que fizerem doações para a obra de construção do CT, no bairro do Jacarepaguá. Além disso, o clube decidiu que parte da receita será destinada para o Hospital Universitário Pedro Ernesto, no bairro de Vila Isabel, em uma ajuda para combater a covid-19.

De acordo com o Vasco, a camisa terá produção limitada 2020 unidades. E as 0001, 1898, 1924, 1927 e 2020 vão ser na cor dourada. A peça foi idealizada por um torcedor, Gilmar de Abreu Vieira Junior, tendo sido escolhida através de votação. Exceto pelas numerações especiais, a camisa tem um tom cinza em sua parte da frente, sendo cinza nas costas.

De acordo com a iniciativa do Vasco, receberão a camisa os primeiros 2020 vascaínos que fizerem doações acima de R$ 500,98 para a construção do CT. Com todas as vendas, a arrecadação será de pouco mais de R$ 1 milhão. “A camisa já está disponível e além de você contribuir para o CT, vai ajudar na campanha contra a covid-19. A destinação do dinheiro também vai para o Hospital Pedro Ernesto nessa luta contra a covid-19”, afirmou Castan durante a transmissão no perfil no Instagram do Vasco.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel