Vacinação contra Covid: Brasil é verdadeira piada pronta

Vacinação contra Covid: Brasil é verdadeira piada pronta

Em tempos em que o debate político se tornou mera briga de torcidas e palco para tudo, menos proatividade e proficiência em busca de um País melhor, sobram ofensas e faltam boas ideias.

No campo das ofensas, a moda atual é adjetivar os eleitores, digo torcida, de um lado e do outro, de gado. E aí, cabe de boi a jumento, passando por porcos e emas. Ops! Falha minha; as penosas são exclusividade do devoto da cloroquina.

Matéria da BBC, reproduzida pelo site do jornal Estado de Minas, informa que o Brasil conta com 30 fábricas de vacinas para gado e apenas 2 para humanos. Porém, a BBC, provocada pelo próprio EM, ficou de esclarecer por que a Funed (Fundação Ezequiel Dias), em Minas Gerais, não consta no levantamento, já que produz vacinas contra a meningite.

Noves fora o motivo para tamanha diferença entre o número de fábricas de vacinas humanas e de animais, e a reportagem retrata muito bem a situação e as razões, não deixa de ser uma espécie de piada pronta o título da matéria: “Brasil tem quase 30 fábricas de vacina para gado e só 2 para humanos”.

Com um rebanho total estimado em cerca de 200 milhões de cabeças de gado bovino, fora suínos, equinos e aves, além de animais domésticos, é certo que a demanda por vacinas é gigantesca no País.


+ Homem que vivia ‘casado’ com a própria filha é preso após polícia investigar agressão contra criança
+ Família de Schumacher coloca mansão à venda por R$ 400 milhões
+ Ao preço de US$ 1.600 por kg, carne Ozaki é a mais cara do mundo



Mas já adentrando ao terreno da briga política, e já arrumando encrenca com os dois maiores rebanhos, perdão, grupos políticos opositores (lulistas e bolsonaristas), estimados em 45% do eleitorado nacional, aproximadamente 65 milhões de bois, jumentos e afins, perdão mais uma vez!, quero dizer, de brasileiros, até que a proporção entre fábricas de vacinas humanas, e de animais, está bem adequada.

Mas há que se levar em conta um detalhe: uma das raças da espécie bovina, notadamente os bolsonaristas, divididos em bolsominions e bolsoloides, não precisará de imunização, já que o dono do curral é um anti vacinas convicto. Assim, cerca de 30 milhões de cabeças devem ser excluídas da conta. Essa raça já vem com imunidade de fábrica e garantia de 8 anos ou mais. São totalmente imunes à realidade e ao bom senso. Muuu…

Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS


Sobre o autor

Ricardo Kertzman é blogueiro, colunista e contestador por natureza. Reza a lenda que, ao nascer, antes mesmo de chorar, reclamou do hospital, brigou com o obstetra e discutiu com a mãe. Seu temperamento impulsivo só não é maior que seu imenso bom coração.


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2021 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.