Economia

Unificação de PIS e Cofins na proposta do Executivo não aumentará carga, diz Maia

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que a unificação do PIS e Cofins, na proposta do Executivo para uma reforma tributária, não irá aumentar a carga tributária, principalmente sobre profissionais liberais. “Tenho certeza que melhora a competitividade das empresas brasileiras”, disse Maia em entrevista à rádio Jovem Pan.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Maia disse também que votaria contra “um imposto como a CPMF, independente da qualidade do imposto”.

“Apesar de que esse é um imposto ruim, porque gera muitas distorções na economia”, concluiu Maia.

Veja também

+Cidadania divulga calendário de pagamentos da extensão do auxílio emergencial

+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea