Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Ed Motta gerou polêmica ao detonar o saudoso cantor Raul Seixas, que faleceu em 1989. Durante uma live em seu perfil no Instagram, na última sexta-feira (18), o artista criticou um dos principais nomes da música nacional.

“Não tenho de falar de Raul Seixas. Raul Seixas tem uma falha de caráter terrível na vida dele: ele foi funcionário de gravadora. Ou seja: ele trabalhou contra os colegas. Então, fuc*… Não tenho medo nenhum de falar contra Raul Seixas”, disse Motta.

Na transmissão, ele ainda reclamou dos fãs que pedem para cantar músicas de Raul Seixas nos shows: “Era uma put* de uma merda. Ruim pra cara*** musicalmente, de tudo. Quem fazia o que ele tinha de mais brilhante, que era o texto, era o Paulo Coelho. Então, esse cara era um idiota. Um funcionariozinho de gravadora gravando uns discos de merd*. Nego vem: ‘toca Raul’. Porr*, que que é isso, bicho? Cara desqualificado de tudo”.

“Um músico, um musiquinho que trabalhou em gravadora? Bando de bandido. Trabalhou para advogar contra os colegas. Vocês não sabem disso, né? Mas esse cara trabalhou em gravadora. Foi funcionário da CBS. O rock and roll Raul Seixas foi funcionário da CBS/Sony”, finalizou Ed Motta na rede social.