Um dos principais executivos de uma das maiores empresas de energia do País – a coluna, por ora, não vai citar o seu nome mas tem os prints – após ser convidado por um deputado federal para dar esclarecimentos sobre suposta sugestão dada ao Governo de trocar a tributação de empresas offshore por uma lista de empresas concorrentes que deveriam ser perseguidas pela União, adotou uma estratégia ainda mais agressiva contra esses concorrentes.

Ele tem enviado mensagens para colaboradores próximos detalhando a vida de executivos de seus concorrentes, e, ao final, deixando a seguinte mensagem ameaçadora: daqui para frente esses executivos de seus concorrentes terão sérios problemas na vida.

Duas perguntas ficam no ar: O que ele quer dizer com sérios problemas na vida; E se essas mensagens seriam um desabafo ou forma transversa de enviar recados para os concorrentes.

Em qualquer uma delas, seria fácil o compliance dessa grande empresa apurar o fato. Basta ver todas as mensagens enviadas por ele para seus colaboradores mais próximos nos últimos 30 dias.


Siga a IstoÉ no Google News e receba alertas sobre as principais notícias