Gente

Uma boa causa

Crédito: FLAVIO SANTANA

A apresentadora Millena Machado levanta novamente sua principal bandeira: a inclusão dos surdos no Brasil. Ela é embaixadora da Ear Parade 2019, evento de arte urbana que chama a atenção para os deficientes auditivos por meio da exposição de 60 obras de arte – orelhas gigantes personalizadas por seus autores. Além da “Semana de Acessibilidade Surda”, Millena também criou o projeto “Trio da Empatia Surda”, que vai a estabelecimentos comerciais com uma fonoaudióloga e um intérprete de libras para conscientizar sobre a causa.

“As empresas nos contratam para passar algumas horas nas lojas. Eu não ganho nada com isso”, diz ela.

Bem brasileira

Carmen Campos

A atriz Thaís Lago voltará em breve às telinhas na terceira temporada de “3%”, a série não-inglesa de maior audiência da Netflix. Ela faz Elisa, uma médica que vive um conflito de valores, em uma trama futurista com questões contemporâneas. “A luta para tentar sobreviver ao caos social onde poucos são privilegiados, infelizmente não é muito diferente da nossa realidade”, diz ela, que também toca o C38, um coletivo que busca a inclusão social por meio de campanhas. Thaís vê pequenos avanços na luta contra o racismo: “Há um movimento que não foi construído agora, mas que está saindo da invisibilidade e ocupando espaços que já foram negados”.

84 anos. E postando

Divulgação

Com 2,2 milhões de seguidores, Renato Aragão está fazendo em seu Instagram aquilo que sempre gostou de fazer – arrancar risadas. Como Didi Mocó, veste roupas extravagantes e resgata o humor “pastelão”, mostrando que a antiga forma de fazer piada tem muito espaço nas novas gerações.

Por que resolveu ser influencer?
Estavam aparecendo notícias fakes, falando que eu tinha morrido e que eu estava no hospital. Então minha mulher falou: ‘Renato, você tem que fazer um Instagram para acabar com isso’. Aí eu comecei a fazer uma brincadeirinha e a coisa pegou.

Como está sendo a experiência?
Eu estou me divertindo. Também sinto a obrigação de falar com as pessoas que estão me esperando. Como eu vou viver mais quatro gerações para agradecer essas pessoas que me seguem?

Qual é a diferença entre fazer humor agora e quando o sr. começou?
É a mesma coisa, mas é diferente. Eu brinco assim. O Didi é eterno, ele não tem idade.

Como cuida da saúde?
Todo dia corro numa esteira, faço meditação, alongamento, tudo isso. Não como carne vermelha nem gordura. Estou correndo na frente da minha idade.

Redenção

Divulgação

O ator Thiago Gagliasso, irmão de Bruno Gagliasso que no ano passado expôs pelo Instagram uma discussão privada com a cunhada Giovanna Ewbank, foi nomeado para a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro. Se é por causa de política que a família brigou, é justamente por causa dela que agora Thiago é só alegria. “Meu grande trunfo é trazer recursos para o Estado por meio da economia criativa”, comemora ele, que diz estar no cargo devido a sua habilidade com redes sociais e aos bons contatos que tem com empresas. Thiago pretende expandir iniciativas como a formação de atores da “Beija-flor de Nilópolis” e o projeto “Sorriso de Criança”, que leva a alegria dos palhaços a enfermos.

Bebê Midas

Divulgação

O pequeno Louis ainda nem aprendeu a falar, mas já é um influencer poderoso. Tudo o que toca, ou melhor, veste, vira ouro. Como manda a tradição, a primeira foto oficial do filho do príncipe William e Kate Middleton foi divulgada em seu aniversário de um ano. O suéter azul que estava usando, da marca Thomas Brown, se esgotou das lojas em menos de 24 horas.

Divulgação

Gadú indígena

Divulgação

Maria Gadú lançou na semana passada seu novo single e videoclipe “Mundo Líquido”. Após quatro anos de seu último trabalho autoral, Mayra Corrêa – o nome original da artista – ressurge resgatando sua ancestralidade indígena. Ela protagoniza o clipe com vestes e pinturas típicas e, em um mergulho no Rio Negro, representa uma profunda reconexão com si mesma e suas origens.