Esportes

Um dos maiores senseis do País, Massao Shinohara morre aos 95 anos

Morreu neste sábado o sensei Massao Shinohara, aos 95 anos. Ele era o único no Brasil com o 10.º Dan, a pontuação máxima do judô. Shinahora comandou a seleção na Olimpíada de 1984, em Los Angeles, e é pai de Luiz Shinohara, técnico da seleção masculina de judô desde 2002.

Massao Shinohara começou a praticar a modalidade quando tinha 15 anos e, em 1956, fundou a Associação de Judô Vila Sônia, que, pela excelência no trabalho desenvolvido o gabaritou para assumir cargo na Confederação Brasileira de Judô. Criado em Embu das Artes, Massao trabalhou como transportador de legumes.

Em 1984, sob seu comando, o Brasil conquistou três medalhas no judô na Olimpíada, sendo uma prata com Douglas Vieira e os bronzes de Walter Carmona e Luiz Onmura.

A Confederação Brasileira de Judô lamentou a perda do sensei e ressaltou que Massao foi um dos grandes mestres do judô brasileiro. “Sensei Massao foi um dos maiores mestres do judô nacional. A Confederação Brasileira de Judô lamenta profundamente sua despedida e solidariza-se aos familiares e amigos neste momento difícil”, escreveu, em seu perfil no Instagram.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Carla Perez fala sobre vida nos EUA: “Aqui é vida normal”
+ Denise Dias faz seguro do bumbum: “Meu patrimônio”
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel