Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

A equipe do Aquário de Ubatuba resgatou um Tubarão-Lixa que vivia num aquário privado em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. A operação durou 30 horas e contou com o apoio de biólogos e veterinários. “Trata-se de uma fêmea jovem”, disse a veterinária responsável Veronica Takatsuka. Ela ainda afirmou que, durante o transporte do tubarão foram feitas algumas paradas para verificar as condições de saúde do animal e a oxigenação da água.

Por ser uma operação delicada, antes de tocar o animal e levá-lo ao caminhão, a equipe comandada pelo biólogo Leandro Santos realizou uma simulação simulou o resgate com um membro da equipe.

O resgate aconteceu a partir da ligação do proprietário do animal que reconheceu a falha e solicitou ajuda dos órgãos responsáveis.

Apesar de parecer uma situação inusitada, resgates deste tipo são mais comuns do que aparentam. “Já perdemos a conta de quantos resgates realizamos ao longo desses 21 anos de atuação. É muito importante ressaltar que o ambiente doméstico não proporciona os cuidados necessários que os animais silvestres exigem para viver longe de seu habitat natural”, disse Hugo Gallo, diretor do Aquário de Ubatuba.