Esportes

Tsitsipas, Medvedev e Rublev avançam à 3ª fase de Roland Garros

Desta vez não foi preciso virar após estar perdendo por dois sets a zero como aconteceu na estreia, mas o grego Stefanos Tsitsipas (N.4), finalista da última edição de Roland Garros, precisou de quatro sets e mais de quatro horas de jogo para vencer um tenista desconhecido, o tcheco Zdenek Kolar (N.134), nesta quinta-feira em Paris.

+ 3 signos que não têm pressa de dizer ‘eu te amo’
+ Dr. Rey diz que não faz sexo com a mulher há 8 anos
+ SP: Tribunal do PCC mata dois homens que desviaram R$ 500 mi de garagens de ônibus


Após o susto que aconteceu em sua estreia, quando derrotou de virada o italiano Lorenzo Musetti (N.66), Tsitsipas teve que suar para vencer Kolar, que aos 26 anos nunca havia disputado um Grand Slam, por um placar de 6-3, 7-6 (10/8), 6-7 (3-7) e 7-6 (9-7).

“Me enlouqueceu”, admitiu Tsitsipas após a partida. “Foi frustrante, porque ele correu atrás de todas as bolas. Ele não facilitou as coisas para mim”, acrescentou.

Na terceira fase, o grego enfrentará o sueco Mikael Ymer (N.95), que surpreendeu ao vencer o britânico Daniel Evans (N.32).

Foram poucas as surpresas no masculino até agora: o jogador mais bem classificado já eliminado é por enquanto o americano Taylor Fritz (N.14) e todos os principais favoritos ao título continuam no torneio.

É o caso de Medvedev (N.2), que até o ano passado nunca havia vencido uma partida em Roland Garros, mas parece que está gostando de jogar no saibro parisiense e nesta quinta-feira chegou à terceira rodada do torneio sem perder um set, depois de derrotar o sérvio Laslo Djere (N.56), 6-3, 6-4, 6-3.

Medvedev, de 26 anos, que chegou às quartas de final em Paris no ano passado, enfrentará outro sérvio, Miomir Kecmanovic (N.31), na próxima fase valendo uma vaga nas oitavas de final.

Também nesta quinta-feira o russo Andrey Rublev (N.7) eliminou o argentino Federico Delbonis (N.65) vencendo por 6-3, 3-6, 6-2 e 6-3.

Foram quase duas horas e meia de um jogo muito equilibrado, que acabou sendo decidido a favor do russo por pequenos detalhes, como o grande número de erros não forçados cometidos pelo argentino (47 a 30), principalmente nos momentos decisivos de cada set.

A eficácia do saque do russo também foi decisiva. Ele conseguiu 77% dos pontos com o primeiro saque e 61% com o segundo, cedendo um único break que Delbonis aproveitou para vencer o segundo set.

Rublev terá outro adversário sul-americano na terceira fase, o chileno Cristian Garín que derrotou o bielorrusso Ilya Ivashka (N.50) por 6-3, 7-6 (7/5), 4-6 e 6-3 em 2h49.

 

— Resultados desta quinta-feira do torneio de Roland Garros:

 

– Simples masculino – Segunda fase:

 

Casper Ruud (NOR/N.8) x Emil Ruusuvuori (FIN) 6-3, 6-4, 6-2

Lorenzo Sonego (ITA/N.32) x João Sousa (POR) 7-6 (7/4), 6-3, 6-4

David Goffin (BEL) x Frances Tiafoe (EUA/N.24) 3-6, 7-6 (7/1), 6-2, 6-4

Hubert Hurkacz (POL/N.12) x Marco Cecchinato (ITA) 6-1, 6-4, 6-2

Holger Rune (DIN) x Henri Laaksonen (SUI) 6-2, 6-3, 6-3

Hugo Gaston (FRA) x Pedro Cachín (ARG) 6-4, 6-2, 6-4

Mikael Ymer (SUE) x Daniel Evans (GBR/N.29) 6-3, 3-6, 6-2, 6-3

Stefanos Tsitsipas (GRE/N.4) x Zdenek Kolár (CZE) 6-3, 7-6 (10/8), 6-7 (3/7), 7-6 (9/7)

Andrey Rublev (RUS/N.7) x Federico Delbonis (ARG) 6-3, 3-6, 6-2, 6-3

Cristian Garín (CHI) x Ilya Ivashka (BLR) 6-3, 7-6 (7/5), 4-6, 6-3

Mackenzie McDonald (EUA) x Nikoloz Basilashvili (GEO/N.22) 6-3, 6-1, 6-4

Jannik Sinner (ITA/N.11) x Roberto Carballés (ESP) 3-6, 6-4, 6-4, 6-3

Gilles Simon (FRA) x Steve Johnson (EUA) 7-5, 6-1, 7-6 (8/6)

Marin Cilic (CRO/N.20) x Márton Fucsovics (HUN) 4-6, 6-4, 6-2, 6-3

Miomir Kecmanovic (SRB/N.28) x Alexander Bublik (CAZ) 4-6, 7-5, 6-2, 6-1

Daniil Medvedev (RUS/N.2) x Laslo Djere (SRB) 6-3, 6-4, 6-3