Mundo

Revelações sobre impostos de Trump acirram preparação para debate com Biden

Revelações sobre impostos de Trump acirram preparação para debate com Biden

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, responde jornalistas na Casa Branca em 27 de setembro de 2020 - AFP

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, enfrenta nesta segunda-feira a revelação do jornal The New York Times sobre sua situação fiscal às vésperas do primeiro debate da campanha presidencial com seu rival democrata, Joe Biden, em que o presidente deve se impor caso queira recuperar espaço nas pesquisas.

A cifra de 750 dólares – que é a quantia que o presidente pagou em impostos em 2016 – tomou a opinião pública.

A matéria exclusiva sobre a informação que Trump se negava a divulgar caiu como uma bomba faltando 36 dias para as eleições.

A recusa do presidente vai contra a tradição de todos os seus antecessores desde os anos 1970.

O presidente republicano reagiu a esta publicação no domingo em uma entrevista coletiva particularmente desarticulada, na qual ele expressou sua frustração e preocupação com a proximidade das eleições.

Se Trump perder em 3 de novembro, ele se tornará o primeiro presidente a cumprir um único mandato nos Estados Unidos desde o republicano George H. W. Bush, que perdeu para Bill Clinton em 1992.

Além dos questionamentos sobre a tributação de suas empresas, o artigo destacou que os negócios do presidente têm grandes dívidas, o que prejudica a imagem de Trump como empresário de sucesso.

Este artigo atinge Trump, questionando seu “instinto” para os negócios, algo de que ele se orgulha em sua campanha.

“Suas finanças estão sob pressão, com prejuízos operacionais e dívidas de centenas de milhões de dólares que devem ser pagas e das quais ele é o fiador pessoal”, noticiou o New York Times.

– Biden leva vantagem nas pesquisas –

Trump denunciou a notícia como “falsa” e disse que eram afirmações “totalmente fabricadas”.

Seu filho Donald Jr. afirmou nesta segunda-feira na conservadora rede Fox News que seu pai pagou dezenas de milhões de dólares em impostos locais, embora o artigo se concentrasse nas taxas federais.

Um fator complicador para o presidente é a vantagem constante de seu adversário democrata. De acordo com a última pesquisa do Washington Post-ABC, o ex-vice-presidente Barack Obama tem dez pontos de vantagem em nível nacional (53% contra 43%), um percentual que se manteve inalterado desde agosto, antes das convenções dos partidos.

Nos principais estados para chegar à Casa Branca, a liderança é menor, mas Biden está bem posicionado, especialmente em Wisconsin, onde Trump prevaleceu em 2016.

O presidente deve dar uma entrevista coletiva nos jardins da Casa Branca para discutir o coronavírus, assunto sobre o qual ele tem se mantido em silêncio desde que mais de 200.000 mortes foram confirmadas.

O candidato democrata, por sua vez, não tem comparecimento planejado.

O presidente deve continuar aproveitando o espaço na mídia para a nomeação de Amy Coney Barrett, uma magistrada conhecida por suas tendências conservadoras, para a Suprema Corte.

Trump antecipa que o processo de confirmação no Senado – onde os republicanos são a maioria – será “rápido”.

Os democratas querem que o governo resultante das eleições indique o substituto.

O presidente também se concentrará em criticar o adversário. No fim de semana, ele zombou do estado físico e mental de Biden e voltou a usar uma tática que usou em 2016 contra Hillary Clinton: solicitar um controle antidoping.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ 7 cidades na Europa que te pagam para morar lá

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ Mulher sobe de salto alto montanha de 4 mil metros

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Vídeo do TikTok com mulher sendo empurrada de ônibus viraliza; veja

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar