Geral

Três amigos que saíram para pescar em alto-mar no Rio de Janeiro estão desaparecidos

Crédito: Arquivo Pessoal

Os amigos Everaldo Rodrigues, conhecido como Cica, Pablo Henrique Santos e Marcelo Silva estão desaparecidos desde a última quarta-feira (13), quando embarcaram na Praia do Amor, ponto comum de partida para as pescarias. As famílias dos homens não conseguem contato com a embarcação desde às 15h de ontem.

Segundo Eraldo Barboza, pai de Pablo, os três tem experiência em pesca e saem do mesmo local pelo menos três vezes na semana. Na rotina detalhada por ele, os homens entram no mar antes das 6h da manhã, percorrem 40 milhas, até o ponto de pesca, e começam o trajeto de retorno por volta das 15h. Às 16h, é de costume que estejam em terra firme.

O último contato feito com a embarcação foi feito através de um amigo, também pescador. “O compadre do Pablo falou com ele às 15h. E parou de funcionar o rádio. Pode ter sido o motor, ter dado uma falha, não sei. O Compadre dele voltou para o barco, foi atrás, mas não encontrou. Ele falou que o mar estava manso, estava só com correnteza”, disse Barboza.

De acordo com as famílias, a Marinha do Brasil iniciou as buscas pela embarcação nesta quinta-feira (14). O Comando do 1° Distrito Naval (Com1°DN) informou ter sido comunicado, na madrugada, “do desaparecimento da embarcação ‘Ressaca I’ a aproximadamente 60km da orla da Barra da Tijuca”.

Responsável por Operações de Busca e Salvamento no mar, o Salvamar Sueste (SAR), também faz buscas e emitiu um aviso por rádio para as embarcações próximas. Desde a noite anterior, pescadores também ajudam nas buscas pelos três amigos.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

“Os amigos com barcos entraram (no mar) de madrugada. Tem uns grupos de pescadores que vão para o mar e estão buscando também, ajudando”, contou Eraldo.

“Eu perdi minha mãe há cinco meses com Covid. E meu irmão Everaldo fica toda hora ligando, preocupado com a filha que tá lá em casa, com meu pai. Eu não acredito que possa ter sido brincadeira não. Isso foi sério mesmo”, afirmou Edileuza Rodrigues Martins, irmã de Everaldo.

Veja também

+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Aprenda 5 molhos fáceis para aproveitar o macarrão estocado
+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Veja os lugares inusitados onde famosos já fizeram sexo
+ Como saber se um pisciano está apaixonado por você? Descubra como Peixes reage ao amor!
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago