Esportes

Treinador do time feminino do PSG é suspenso por comportamento “inapropriado”

O treinador do time feminino do Paris Saint-Germain, Didier Ollé-Nicolle, foi “afastado de seu trabalho” temporariamente, enquanto é investigado por “condutas e palavras inapropriadas”, anunciou nesta terça-feira o clube francês em um comunicado.

Esta medida “não prejulga em absoluto os resultados da investigação interna que será realizada, nem as decisões que o clube poderá ter que tomar”, acrescenta o PSG, sem dar mais detalhes sobre a natureza das acusações contra o treinador, que tem contrato até junho de 2023.


“Estas condutas e palavras, se confirmadas, seriam incompatíveis com os valores esportivos e humanos do PSG”, acrescenta o clube na nota.

O caso já está nas mãos da polícia, que ouviu uma jogadora do time, informaram fontes à investigação ao canal RMC Sport.

Ao longo desta terça, várias entrevistas foram realizadas pelos serviços de recursos humanos do PSG com membros da comissão técnica e atletas, informou uma fonte do clube.

Os eventos remontam ao período de pré-temporada da equipe francesa nos Estados Unidos, durante a qual foi denunciado ao PSG um “gesto inapropriado” do treinador em relação a uma jogadora, continuou a mesma fonte.

Naquele momento, o caso foi encerrado em comum acordo depois que todas as partes foram ouvidas, mas o clube decidiu reabri-lo depois da divulgação de várias informações novas nas redes sociais nos últimos dias.

ama/fbx/iga/cb





Tópicos

fbl FRA