Saúde da mulher

Traição: 10 coisas que você precisa saber sobre o assunto

Crédito: Freepik

Não existe fórmula mágica para descobrir uma traição. Você pode começar a suspeitar através de alguns sinais que te causam estranheza, ou perceber fatos inegáveis.

+ 3 coisas que você pode não querer saber sobre sua pessoa amada, segundo estudo


+ Casais que moram separados têm uma vida sexual melhor, sugere pesquisa

Seja por demonstrações sutis ou indícios óbvios, confira tudo o que você precisa saber sobre traição, de acordo com estudos recentes. As informações são da “Slice”.

1 – Uma vez infiel, sempre infiel

Um estudo da Universidade de Denver, nos Estados Unidos, constatou que a premissa pode ser verdadeira. Os pesquisadores descobriram que pessoas que foram infiéis em relacionamentos anteriores tinham três vezes mais chances de trair em relacionamentos subsequentes.

2 – Traição pode ser hereditária

De acordo com um estudo da Texas Tech University, nos Estados Unidos, a traição tende a seguir um padrão intergeracional — ou seja, se um dos pais traíram, é possível que seu(ua) filho(a) também traia.

3 – Ele tem problemas de ereção

Segundo a Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, homens com problemas de ereção podem procurar casos extraconjugais apenas para aumentar sua excitação. A premissa — errônea — é que, se sua pessoa amada atual não pode fazer com que ele tenha uma ereção, talvez alguém novo que não sabe sobre sua condição possa.

4 – Ele(a) protege o celular como um tesouro

Ele(a) não larga o aparelho por um segundo, ou está constantemente verificando-o quando deveria estar passando algum tempo de qualidade com  você. “Se ele(a) leva o celular para o banheiro, mesmo em casa, tenha atenção”, alerta o psicólogo Douglas Weiss.

+ Sexualidade: é possível que mulheres e homens a vivenciem de forma diferente?

5 – Sua voz o(a) entrega

As vozes podem explicar muito sobre uma pessoa. Uma teoria popular publicada na revista “Evolutionary Psychology” sugere que, enquanto as mulheres são atraídas por homens que soam mais masculinos, com vozes mais profundas, elas também acreditam que esses homens são mais propensos a trair.

6 – Altos níveis de testosterona

Um estudo publicado no “Journal of Personality and Social Psychology” relacionou altos níveis de testosterona com a maior probabilidade de traição.

7 – Ter sucesso nem sempre é algo bom

Ter uma carreira bem-sucedida e um bom salário é algo atraente. No entanto, um estudo da Associação Americana de Sociologia (ASA) descobriu que, em relacionamentos heterossexuais, quanto mais dependente financeiramente o homem é de sua parceira, mais provável é que ele traia. Para as mulheres, quanto mais dependentes, menor a probabilidade. 

8 – Conversas frequentes sobre ex-parceiros(as)

A última coisa que alguém em um relacionamento quer ouvir é sobre a pessoa que veio antes dela. E embora a relação de seu(ua) parceiro(a) com um(a) ex-namorado(a) permaneça amigável, eles não devem ser tão conectados como eram quando estavam em um relacionamento. 

“Conversar com alguém, mesmo que seja apenas uma mensagem ou através de um aplicativo de mídia social, não é apropriado quando o teor da conversa é secreto”, afirma o especialista em namoros Stef Safran. 

9 – Siga seus princípios

A maioria das religiões encoraja a fidelidade, e é o que muitas pessoas religiosas fazem. Já as pessoas que são menos espirituais ou não têm nenhuma crença ou afiliação religiosa são mais propensas a serem infiéis, de acordo com um estudo publicado no “Journal of Family Issues”.

10 – Pequenas traições ainda são traições

Uma série de ações aparentemente pequenas que indicam que uma pessoa está emocionalmente ou fisicamente focada em outra pessoa “é uma traição sutil que precisa do sigilo para alimentar seu fogo”, declara a especialista em namoro Melanie Schilling.

+ Sexo pós-parto: tudo o que você precisa saber

Ao “Huffington Post Australia”, ela pontuou: “Se seu(ua) parceiro(a) está tendo conversas privadas ou bate-papos online que são desligados rapidamente quando você chega ou se ele(a) está entrando em contato com um(a) ex para comentar sobre uma data importante, talvez ele(a) esteja oferecendo elogios a outras pessoas sem te contar; ou talvez ele(a) se encontre com alguém com quem tem interesse sob o pretexto de uma reunião de negócios, mas você descobre que nenhum negócio foi realmente feito… são todos os sinais a serem observados.”