ISTOÉ Gente

Traficante diz que Demi Lovato sabia o que estava comprando

Crédito: Reprodução/Instagram

O caso de overdose da cantora Demi Lovato segue dando o que falar. De acordo com novas informações do site TMZ, Brandon Johnson, traficante responsável por vender as drogas para a cantora, revelou que Demi sabia o que estava comprando.

Johnson disse também que eles fumaram juntos e que não foi a primeira vez, além de dizer que chegou a ter relações sexuais com a cantora. Fontes ligadas à Demi negam a informação.

Em relação às drogas, o traficante disse que Lovato, que atualmente está internada em uma clínica de reabilitação, tinha ciência de que elas eram “ilegais e batizadas”. No entanto, ele nega que tenha misturado com fentanil – substância que causou a morte de Prince.


Saiba mais
+ Morre a atriz Noemi Gerbelli, a diretora Olívia da novela 'Carrossel', aos 68 anos
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais