Brasil

Toyota anuncia investimentos de R$ 1 bilhão em SP

Toyota anuncia investimentos de R$ 1 bilhão em SP

Governador João Doria com Massahiro Onioi (dir.), CEO para a América Latina da montadora, e Rafael Chang (esq.), presidente da Toyota do Brasil

A Toyota, uma das maiores montadoras de veículos do mundo, comunicou o governador de São Paulo, João Doria, nesta quinta-feira em Nagoia, no Japão, que a empresa investirá R$ 1 bilhão na fábrica da empresa em Sorocaba, interior paulista, para a produção de um novo automóvel que estará no mercado a partir de 2021. Os novos investimentos gerarão pelo menos 300 novos empregos diretos.
O anúncio foi feito ao governador, que estava em visita à sede da empresa no Japão, por Massahiro Onioi, CEO para a América Latina da montadora, e Rafael Chang, presidente da Toyota do Brasil, que também estavam no evento realizado com grande pompa hoje no Japão. Doria estava acompanhado na solenidade por Henrique Meirelles, secretário da Fazenda, e Julio Serson, secretário de Relações Internacionais do governo de São Paulo.
“Mais uma grande conquista do Estado de São Paulo com esse novo investimento da Toyota de R$ 1 bilhão e geração de 300 novos empregos, dando sequência a uma série de resultados na captação de investimentos internacionais”, afirmou o governador Doria. O anúncio feito nesta quinta-feira, em Nagoia, é o segundo empreendido pela companhia japonesa, neste ano, para o Brasil.
Em abril, Rafael Chang, presidente da Toyota no Brasil, visitou o Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, e afirmou que a companhia investirá outros R$ 1,6 bilhão na fábrica de Indaiatuba, também no interior do estado, para a fabricação da versão híbrida do Corolla, com motor elétrico e tecnologia flexfuel, considerado o mais limpo do mundo. “O compromisso da Toyota com o desenvolvimento da indústria automotiva brasileira e com o Brasil só é possível com uma parceria forte entre os vários stakeholders da empresa. Esse anúncio de mais um investimento que fazemos no Brasil é o resultado do trabalho conjunto de nossos colaboradores, fornecedores, concessionários, sindicatos e o governo e reforça nossa visão de longo prazo no País”, afirmou Massahiro Inoue, o CEO para a América Latina da Toyota.
A primeira empresa da Toyota fora do Japão foi estabelecida em São Paulol há 61 anos. A montadora japonesa tem três fábricas no Estado de São Paulo: em Sorocaba, Indaiatuba e São Bernardo do Campo, além de um centro de distribuição de peças em Votorantim. A empresa também possui 236 concessionárias distribuídas pelo País. Em 2018, a Toyota foi a segunda maior produtora de automóveis no país. Desde 2013, a operação no Brasil também exporta automóveis para outros seis países da América Latina.
Em agosto, a Toyota comemorou sete anos de sua fábrica de Sorocaba, a terceira unidade produtiva aberta no País, como resultado de um investimento inicial de US$ 600 milhões. Essa unidade é um marco nas operações da fabricante de veículos no Brasil, pois reúne tecnologia das mais modernas da Toyota em todo o mundo.
Indiretamente, a fábrica de Sorocaba promoveu novos investimentos no Brasil, seja da própria marca ou de fornecedores. O parque de fornecedores localizado ao lado do terreno da unidade abriga 11 empresas. A Toyota, como resultado da boa performance de Sorocaba, decidiu construir sua planta de motores em Porto Feliz (SP), com investimento de R$ 580 milhões. Essa planta produz os motores 1.3 e 1.5 litro, VVT-i, que equipam o Etios e o Yaris e, desde o mês passado, também produz o novo motor 2.0L Dynamic Force que equipa o Novo Corolla 2020.

Veja também

+ Toyota Corolla Cross é SUV do Corolla para brigar com Jeep Compass e cia; confira imagens oficias
+ MasterChef estreia sem "supercampeão" e cheio de mudanças
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Coronel da PM diz que Bolsonaro é ‘falastrão’ e renuncia à entidade de Oficiais
+ Fundador da Ricardo Eletro e filha são presos em operação contra sonegação
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior