Esportes

Torcedores de Flamengo e Botafogo brigam nos arredores do Engenhão

Torcedores do Botafogo se envolveram em violentas brigas, no início da noite desta quinta-feira (7), antes da partida entre o time alvinegro e o líder Flamengo, realizada no Engenhão, na zona norte, e válida pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Vários vídeos circulam pelas redes sociais mostrando agressões entre torcedores. As vítimas seriam flamenguistas, em absoluta minoria ao redor do estádio.

• Botafogo enfrenta Atlhetico-PR fora de casa

• Botafogo e Fla são denunciados no STJD e correm risco de perder mandos de campo

Flamengo comemora 124 anos com missa e inauguração de busto do ex-atacante Nunes

Foram ofertados para o jogo cerca de 30 mil ingressos, dos quais 3.000 reservados aos flamenguistas. Torcedores do Botafogo suspeitaram que havia flamenguistas infiltrados nos setores destinados aos alvinegros e passaram a abordar pessoas que chegavam a pé ao estádio perguntando para qual time torciam.

Um torcedor que vestia camisa branca e respondeu não ter time teve seu ingresso roubado e foi agredido por mais de dez botafoguenses, que só pararam o linchamento quando policiais militares intervieram. A PM usou bombas de gás e tiros com balas de borracha para dispersar os agressores.

Em outra abordagem, em um posto de combustíveis, botafoguenses agrediram a chutes e pauladas um rapaz, que foi abandonado desacordado.

Por volta das 19h30 a Polícia Militar emitiu uma nota confirmando as agressões entre botafoguenses e flamenguistas e informou que agentes estavam a caminho dos locais onde as confusões ocorriam. Questionada pela reportagem sobre um balanço das brigas, a PM não havia se manifestado até as 21h.