Brasil

Toffoli é diagnosticado com covid-19 após apresentar sintomas respiratórios leves


O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi diagnosticado com covid-19. A informação foi confirmada pela assessoria da Corte que, em nota, destacou que o ministro apresentou sintomas respiratórios leves e se submeteu ao exame para o novo coronavírus, que voltou positivo.

“Ele está em casa, seguindo as recomendações médicas da cardiologista intensivista Ludhmila Hajjar, do Vila Nova Star”, apontou o STF.

Toffoli é o terceiro ministro do Supremo a ser diagnosticado com covid-19. O primeiro magistrado foi o atual presidente da Corte, ministro Luiz Fux, que testou positivo para a doença logo após tomar posse em cerimônia com autoridades dos Três Poderes no início de setembro. Ao menos nove convidados, incluindo o próprio Fux, contraíram o vírus logo depois. Uma delas foi a ministra Cármen Lúcia.

A presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministra Maria Cristina Peduzzi, o procurador-geral da República Augusto Aras, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), os ministros do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) Luis Felipe Salomão, Antônio Saldanha Palheiro e Benedito Gonçalves e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, também testaram positivo para o novo coronavírus.

No último dia 3, Toffoli recebeu em sua residência o desembargador Kassio Nunes Marques, indicado para a vaga do decano Celso de Mello, que se aposentou nesta terça, 13. O presidente Jair Bolsonaro também participou do encontro junto do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).


+ Atleta de Jiu Jitsu morre aos 30 anos de Covid 15 dias após perder o pai pela doença
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Mulher morre após ingerir bebida alcoólica e comer 2 ovos



LEIA A NOTA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

O ministro do Supremo Tribunal Federal José Antonio Dias Toffoli apresentou sintomas respiratórios leves e testou positivo para Covid-19. Ele está em casa, seguindo as recomendações médicas da cardiologista intensivista Ludhmila Hajjar, do Vila Nova Star.

Veja também

+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS