Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Rafael Navarro passou em branco mais uma vez com a camisa do Palmeiras. O Centroavante ganhou oportunidade como titular no empate com o Avaí por 2 a 2, no último domingo (26), e completou 13 jogos sem balançar as redes.

GALERIA
> Gustavo Gómez no pódio! A lista atualizada de zagueiros-artilheiros do Palmeiras

A última vez que o atacante de 22 anos pôde comemorar um gol foi há 55 dias, em 3 de maio, na vitória do Alviverde diante do Independente Petrolero (BOL) por 5 a 0, pela Libertadores. De lá em diante, ele vive seca de gols.

Navarro tem boa média de mais de um gol por jogo (1,16) na competição sul-americana. Ele teve começo avassalador e chegou a balançar as redes quatro vezes em uma única partida, também diante do Petrolero, só que no primeiro turno da fase de grupos, na goleada de 8 a 1 do Palmeiras.

Palmeiras x Independiente Petrolero - Rafael Navarro

Rafael Navarro fez quatro gols contra o Petrolero (FOTO: NELSON ALMEIDA / AFP)

Entretanto, no todo, o ex-Botafogo tem deixado a desejar. A média de gols dele na temporada é de 0,21, pois disputou 33 jogos (desconsiderando o Mundial de Clubes, que faz parte de 2021) somando todas as competições e conta apenas com os sete tentos anotados no torneio da América do Sul.

Todos os gols que o atacante marcou se concentram em somente três jogos: dois com o Independiente Petrolero e um diante do Deportivo Táchira (VEN).

No Brasileirão, ele soma 13 partidas das 14 que o clube paulista disputou, acumulando 502 minutos e zero gols. O jogador foi titular em dois jogos: contra Juventude e Avaí, adversários que estão posicionados na segunda metade da tabela.

Durante o empate do Palmeiras com o Atlético-MG, jogo no qual Navarro substituiu Raphael Veiga, que saiu lesionado aos 14 minutos do primeiro tempo, o centroavante teve chance cara a cara com o goleiro Everson, mas chutou para fora. Contra o Avaí, ele teve pelo menos duas oportunidades: em uma acabou furando e, na outra, finalizou por cima do gol de Vladimir.

– Começamos com o Navarro por diversas razões, temos que fazer gestão de energia para jogar na máxima força. O Rony tem vindo de muito desgaste, mas são jogadores um de mais apoio e outro de mobilidade, ataque de profundidade – disse o técnico Abel Ferreira, justificando a escolha por Rafael Navarro titular no jogo de ontem.

VÍDEO! Gabriel Menino afirma que Palmeiras ‘está focado para ganhar o Brasileiro’

O camisa 29 chegou ao Verdão sem custos no início do ano, pois seu contrato com o Botafogo terminou e as partes não entraram em acordo pela renovação. Ele se enquadra no novo perfil de contratações do Alviverde: jovem, com margem para desenvolvimento e possibilidade de revenda.

A partir de 18 de julho, data da abertura da janela de transferências para o Brasil, Rafael Navarro ganhará a concorrência de Miguel Merentiel e José Manuel López, atacantes contratados pelo Palmeiras junto a Defensa y Justicia (ARG) e Lanús (ARG), respectivamente.