Esportes

Tite rebate provocação de Trump após vitória sobre EUA

Crédito: Reprodução/CBF TV

SÃO PAULO, 11 SET (ANSA) – O técnico Tite rebateu nesta segunda-feira (10) a provocação do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que havia ironizado a eliminação da seleção brasileira na Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Tudo começou na visita do presidente da Fifa, Gianni Infantino, à Casa Branca para celebrar a eleição dos Estados Unidos como uma das três sedes do Mundial de 2026, ao lado de Canadá e México. Na ocasião, uma jornalista brasileira alegou que os brasileiros “têm a melhor seleção do mundo”.

A afirmação foi rebatida por Trump, que fez uma referência à última Copa. “Acho que vocês tiveram um probleminha recentemente”, brincou. A resposta para o Trump é que temos cinco títulos mundiais. Talvez historicamente ele possa se informar melhor”, disse Tite, que iniciara a coletiva de imprensa exibindo a mão com os cinco dedos abertos.

A seleção norte-americana ocupa atualmente a 22ª colocação do ranking da Fifa e ficou de fora da Copa de 2018. O Brasil, por sua vez, chegou até as quartas de final, mas foi eliminado pela Bélgica. Após a vitória de 2 a 0 sobre os Estados Unidos, o próximo compromisso da seleção brasileira será nesta terça (11), diante de El Salvador, em Washington, às 21h30. (ANSA)