Esportes

Tite prepara estreia do Brasil contra Bolívia; Arthur ainda é dúvida

Tite prepara estreia do Brasil contra Bolívia; Arthur ainda é dúvida

Lucas Figueiredo/CBF

A seleção brasileira treinou nesta quarta-feira em São Paulo para fazer os últimos ajustes antes de enfrentar a Bolívia na sexta no jogo de abertura da Copa América-2019, em meio a dúvidas sobre a presença do meia Arthur.

O volante do Barcelona se exercitou mais uma vez separado de seus companheiros, realizando exercícios físicos com e sem bola, já que ainda se recupera de uma forte pancada que sofreu no joelho direito no domingo passado no último amistoso de preparação em que o Brasil goleou Honduras por 7 a 0.

“O Arthur teve um trauma importante na região do joelho direito, com muita dor e limitação na função. Por isso não treinou e ficou em tratamento. Mas respondeu bem, hoje começou o trabalho físico”, explicou o médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, ao canal da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

“A evolução foi muito boa, tendo em vista apenas três dias depois do jogo, pela intensidade do trauma, ele teve uma resposta bem positiva”, acrescentou.

Mas o médico se mostrou prudente quanto à participação do volante na partida contra a Bolívia: “Amanhã (quinta-feira) esperamos que, se ele se sentir bem, se junte ao trabalho de grupo e aí veremos melhor como o jogador está”.

O técnico Tite comandou um treino no Pacaembu, em São Paulo, com exercícios técnicos e táticos. Primeiro, o grupo se dividiu em duas partes, com os atacantes realizando movimentos ofensivos e os defensores exercitando o posicionamento defensivo.

O meia Philippe Coutinho e o zagueiro Thiago Silva tampouco treinaram com bola já que também se recuperam de problemas físicos e apenas deram voltas em torno do campo.

O Brasil, que desde 2007 não conquista a Copa América, o torneio de seleções mais antigo do mundo, está no Grupo A, com Venezuela e Peru, além da Bolívia.

 

mcd/ma/aam