Televisão

Tino Marcos tira licença da Globo e voltará a emissora só em 2020

Crédito: Reprodução/Instagram

O repórter Tino Marcos seguiu o mesmo caminho de Marcos Uchôa, companheiro de Globo, e tirou licença não remunerada da emissora. O pedido foi feito após o fim da Copa América, onde participou da cobertura. A licença não remunerada será de seis meses, e ele voltará em janeiro de 2020.

O objetivo de Tino nesse período é descansar. Essa não foi a primeira vez que o repórter fez esse pedido. Em 2015, ele chegou a tirar um ano sabático para se dedicar à família e aos estudos.

De acordo com informações obtidas pelo UOL, o clima na Globo não é dos melhores. Repórteres com mais tempo de casa estão insatisfeitos com decisões tomadas pela direção, como redução de salário e a saída de outros profissionais, como Mauro Naves.


Saiba mais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua