Esportes

Thales destaca importância de ritmo de jogo, mas reitera: ‘Saúde em primeiro lugar’

Zagueiro do Paraná está ansioso para o retorno dos jogos oficiais, mas prega cautela e pede 'protocolo de segurança bem elaborado

Thales destaca importância de ritmo de jogo, mas reitera: ‘Saúde em primeiro lugar’

O Paraná disputou a última partida oficial no dia 15 de março. De lá pra cá se passaram quase quatro meses e o clube aguarda uma definição da Federação Paranaense de Futebol para voltar a campo. Enquanto alguns estados do Brasil já confirmaram o retorno dos campeonatos e estipulam datas, o Campeonato Paranaense segue sem previsão de volta, assim como em outras 13 competições do país.

Antes da paralisação devido a pandemia do novo coronavírus, o zagueiro Thales foi peça fundamental no início de temporada do Paraná. Para o defensor, apesar da dificuldade de ficar longe dos gramados, todo o cuidado é pouco neste momento delicado que o país atravessa durante a pandemia.

‘Todos nós ficamos tristes, queremos jogar, mas precisamos entender que a saúde vem em primeiro lugar. As pessoas que vão ao estádio precisam de segurança, assim como nós precisamos de saúde para desempenhar o nosso trabalho. A gente precisa ter um protocolo de segurança muito bem elaborado para que nada afete a volta do futebol. Essas incertezas são muito ruins, mas a gente segue treinando forte para quando tiver uma data de retorno, estarmos prontos para dar sequência no bom trabalho que estávamos fazendo’, comentou.

+ Consulado chinês nos EUA é fechado e provoca nova crise
+ As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

No momento da paralisação, o Paraná já havia garantido a classificação para enfrentar o Coritiba nas quartas de final do Campeonato Paranaense. Aos 27 anos e com bagagem no futebol brasileiro, Thales entende como é importante encerrar a competição estadual para o restante da temporada.

‘A gente quer jogar o Campeonato Paranaense, que é uma competição importante para o clube e para os jogadores. Precisamos adquirir ritmo de jogo e só conseguiremos nas partidas. Nos treinos conseguimos adquirir parte física, tática e técnica, mas o ritmo só conseguimos nos jogos. Então para gente é importante termos partidas oficiais antes do começo do Brasileirão. Temos que trabalhar com a hipótese disso não acontecer, mas o ideal seria disputarmos o Campeonato Paranaense’, explica.

Além das quartas de final do Estadual e da disputa da Série B do Campeonato Brasileiro, o Paraná também segue vivo na Copa do Brasil. No primeiro duelo da terceira fase contra o Botafogo, no Rio de Janeiro, o clube perdeu por 1 a 0 e busca reverter o resultado jogando em casa. De acordo com a CBF, o retorno do maior mata-mata do país vai ocorrer no dia 26 de agosto.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?