Teste: Com Google Wifi, Google descomplica as redes sem fio

Crédito: André Cardozo

Google Wifi usa tecnologia mesh em suas redes Wi-Fi (Crédito: André Cardozo)

Aos poucos, o Google vem trazendo para o Brasil alguns dos produtos de sua linha de hardware. Após as caixas de som da linha Nest, agora é a vez do Google Wifi, um roteador de internet que chega ao Brasil em pacotes com uma ou três unidades, por R$ 999 e R$ 1.999, respectivamente. O Google Wifi é um roteador com tecnologia mesh, ou seja, todas as unidades funcionam como roteador da mesma rede, ampliando o alcance do sinal e sendo úteis principalmente em casas grandes.

De modo geral, a maior vantagem dos sistemas mesh em relação à mais antiga combinação de roteador + repetidor é a praticidade de ter o mesmo sinal em todo o ambiente. Quem tem uma combinação de roteador+repetidor em casa frequentemente tem que ligar/desligar o wi-fi para se conectar ao ponto mais próximo ao trocar de ambiente. Já no caso dos sistemas mesh tudo funciona como uma rede só, a conexão é mais estável e o aparelho é sempre conectado ao ponto com o sinal mais forte em determinado lugar. Para usufruir dessa comodidade, no entanto, é necessário comprar o pacote com três roteadores.

Um dos diferenciais do Google Wifi é a instalação fácil. Basta conectar os cabos (energia e rede), abrir o app Google Home no smartphone e clicar no botão + para configurar a rede em poucos segundos. Basta definir nome da rede e senha e pronto, o Wi-Fi já está funcionando. Por meio do app ainda é possível acessar algumas configurações interessantes para famílias, como a possibilidade de suspender o acesso de algum aparelho por determinado tempo.

O design do Google Wifi é moderno e discreto. Nada de visual “nave espacial” com antenas para todos os lados. o Google Wifi é um discreto cilindro branco que passa praticamente despercebido na decoração do ambiente.

Testar a velocidade de um roteador é como fotografar nuvens, já que a velocidade da conexão depende de uma série de variáveis, como quantidade de paredes, interferência de redes de vizinhos e outros fatores. Nos testes que fiz, o Google Wifi foi comparado a um roteador padrão de operadora de provedora de internet e um roteador TP-Link Archer C7, e os números foram similares entre todos os aparelhos. Com o smartphone perto do aparelho, a velocidade de download ficou na taxa de 115 Mbps. Já com o aparelho cerca de 10 metros longe do roteador e com paredes no meio, a velocidade caiu para cerca de 25 Mbps, lembrando que testei apenas uma unidade, e portanto não foi possível aproveitar as vantagens do combo com três aparelhos. Como outros roteadores mesh, o Google Wifi une as bandas de 2,4 Ghz e 5 GHz em um único sinal, e automaticamente joga cada aparelho para a banda mais eficiente. Não há, portanto, as habituais redes separadas de 2,4 GHz e 5GHz.

De modo geral, o Google Wifi é uma solução muito interessante principalmente no pacote com três roteadores. A configuração é muito fácil, e o design moderno. Há apenas dois pontos a serem considerados. O primeiro é o preço, já que há roteadores mesh de outros fabricantes por valores menores disponíveis no mercado, principalmente para quem tem casa menor e não precisa de três unidades para cobrir toda a área. O segundo é a falta de opções mais avançadas, como por exemplo especificar uma banda de sinal para cada aparelho ou acessar as configurações do roteador por meio de browser. Este ponto, porém, só deve incomodar que é administrador de rede ou muito nerd :-) .


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2021 - Três Editorial Ltda.
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.