Tecnologia & Meio ambiente

Temporada de escaladas no Everest registra 11ª morte em 2019

Temporada de escaladas no Everest registra 11ª morte em 2019

Dois alpinistas se aproximam do topo do Everest em 17 de maio de 2018 - AFP/Arquivos

Um alpinista americano morreu durante a descida do Everest, anunciaram as autoridades do Nepal, o que eleva a 11 o número de vítimas fatais na maior montanha do mundo na atual temporada.

Christopher John Kulish, 61 anos, alcançou o topo da montanha, de 8.848 metros, e retornou na segunda-feira ao acampamento base mais elevado do Everest.

“Ele teve um problema cardíaco e morreu, de acordo com os organizadores da expedição”, afirmou Mira Acharya, funcionário do Departamento de Turismo do Nepal.

A atual temporada, que pode superar o recorde de 807 pessoas no topo do Everest, registrado em 2018, foi uma das mais letais desde 2015.

Além das 11 pessoas mortas no Everest, nove alpinistas faleceram em montanhas com mais de 8.000 metros de altura na região do Himalaia.