Esportes

Técnico de Brandon Moreno faz postagens racistas sobre Deiveson Figueiredo no UFC

Crédito: Reprodução Instagram

Técnico de Brandon Moreno faz postagens racistas sobre Deiveson Figueiredo no UFC (Crédito: Reprodução Instagram)


Marcelo Rojo, treinador do mexicano Brandon Moreno, desafiante ao cinturão dos pesos-moscas do UFC contra o atual campeão, o brasileiro Deiveson Figueiredo, fez postagens racistas sobre o atleta paraense em sua conta no Instagram nesta sexta-feira, dia 11. Em uma transmissão ao vivo da coletiva de imprensa da luta entre os atletas feita em seu Instagram, Rojo colocou a figura de um macaco sobre o rosto do brasileiro. Os seguidores do treinador riam e pediam para Rojo apontar a câmera para o nigeriano Israel Adesanya.

A organização do UFC foi notificado do caso e deverá tomar atitudes. Ela ainda não se manifestou. Na pesagem, o lutador brasileiro está de óculos escuros e foi mais provocador, chegando a empurrar seu oponente. É uma tradição no UFC esse tipo de comportamento para valorizar a luta.

+ Bicampeã olímpica no Boxe, Claressa Shields estreia no MMA com vitória por nocaute; veja como foi

+ Rio anuncia acordo para realização do SFT MMA no Parque Olímpico

+ Estátua para lenda do UFC vira motivo de piada por parecer com Barack Obama

“Essa postura só mostra medo”, escreveu o treinador do desafiante. “Vamos ensinar a ele quem é o durão de verdade”, disse em outra postagem, também substituindo a imagem de Deiveson pela cara de um macaco de óculos. Em uma outra postagem na rede, Rojo relembrou a polêmica declaração do presidente argentino, Alberto Fernández, que disse nesta semana em entrevista que os “os mexicanos saíram dos índios, os brasileiros saíram da selva, mas nós, os argentinos, chegamos nos barcos vindos da Europa”. O treinador publicou o print de um tweet racista sobre jogadores brasileiros também.

+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça

“Queria que tivessem vindo da selva um par de macacos como Cafu e Ronaldo e nós tivéssemos ganhado cinco Copas do Mundo. Infelizmente, chegaram aqui em barcos europeus gente com cara de youtubers como o filho de mil p*** do Foyth”, referindo-se ao zagueiro da seleção argentina Juan Foyth.

Moreno e Deiveson se enfrentam no UFC 263 neste sábado, dia 12, nos Estados Unidos. O evento tem transmissão na TV fechada e no pay per view. A assessoria do lutador brasileiro também preferiu não comentar o ato racista.

Veja também
+ Sabrina Sato mostra corpo musculoso em clique na floresta
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago