Mundo

Talibã diz que avião militar dos EUA caiu no Afeganistão

CABUL, 27 JAN (ANSA) – O grupo terrorista Talibã afirmou nesta segunda-feira (27) que um avião que caiu na província de Ghazni, no leste do Afeganistão, pertence à Força Aérea dos Estados Unidos.   

Inicialmente, a imprensa local havia divulgado que a aeronave pertencia à companhia aérea Ariana, mas a empresa desmentiu a notícia. O acidente ocorreu em uma área com forte presença do Talibã, que atribuiu a propriedade do avião aos “serviços de inteligência do inimigo”.   

Segundo comunicado do grupo, a queda “matou toda a tripulação e membros de alto nível da CIA [Agência Central de Inteligência]”.   

“Os destroços e os corpos estão no local do acidente”, diz a nota. Imagens divulgadas pelo Talibã mostram um logo da Força Aérea dos EUA nos destroços do avião, que aparece cercado por milicianos.   

O acidente não foi confirmado pelo governo dos Estados Unidos, que recentemente retomou as negociações de paz com o grupo terrorista. O Talibã governou o Afeganistão entre 1996 e 2001, até ser derrubado pela invasão americana – os EUA acusavam a milícia de dar proteção a Osama bin Laden, mentor dos atentados de 11 de setembro. (ANSA)