liberação

contribuinte paga mais
'negro de direita'