Esportes

Suspensa “até nova ordem”, Champions poderá encerrar a temporada

Suspensa “até nova ordem”, Champions poderá encerrar a temporada

Uma suspensão “até nova ordem”, mas com o objetivo de “terminar a temporada”: a Liga dos Campeões terá a oportunidade de ser disputada até o fim, apesar da pandemia de coronavírus, após a liberação de datas com o adiamento da Eurocopa de 2020 para 2021.

Foi uma decisão que os dirigentes e torcedores de Real Madrid, Barcelona, Juventus e PSG estavam esperando há vários dias. “Todas as competições da Uefa estão suspensas até novo aviso”, afirmou a confederação europeia em um comunicado.

“Foi criado um grupo de trabalho com a participação das ligas e dos representantes dos clubes para examinar soluções em relação ao calendário que devem permitir a conclusão da temporada atual”, acrescentou a Uefa.

O objetivo claro é aproveitar as datas divulgadas pelo adiamento da Eurocopa, programada para ocorrer de 12 de junho a 12 de julho deste ano, para que a Liga dos Campeões e a Liga Europa cheguem ao fim, assim como os campeonatos nacionais, atualmente suspensos devido ao coronavírus.

Favorável ao adiamento, a muito influente Associação de Clubes Europeus (ECA) anunciou na terça-feira que estava participando “ativamente com cuidado e total compromisso no grupo de trabalho coordenado pela Uefa”.

+ Exclusivo: como Prost fez Senna perder o contrato com a Ferrari

 

 

– Um formato diferente? –

 

Este grupo deve “desenvolver e modelar os aspectos práticos da gestão do calendário com o objetivo de maximizar as opções para concluir os jogos restantes da temporada 2019-2020”, acrescentou o ECA.

Se a Champions e a Liga Europa terminarem, as dúvidas permanecem quanto ao modelo: o formato clássico da partida de ida e volta ou um novo resultado com um torneio de eliminação direta em campo neutro, como sugeriram algumas pessoas influente do meio na imprensa esportiva.

Desde o anúncio, na sexta-feira, do adiamento das oitavas de final da Liga dos Campeões e da Liga Europa, a Uefa tem uma batata quente nas mãos: encontrar datas para a reta final das duas.

 

 

– Champions, mais rentável que a Eurocopa –

 

Quatro equipes chegaram às quartas de final da Liga dos Campeões; PSG e Atalanta, que jogaram o jogo de volta das oitavas de final com portões fechados, Atlético de Madrid e Leipzig.

Ainda precisam ser disputados Barcelona-Napoli, Bayern-Chelsea, Manchester City-Real Madrid e Juventus-Lyon.

Outro adiamento vai contribuir para que a Liga dos Campeões seja disputada até o fim. Nesta terça-feira, a Conmebol, em cooperação com a Uefa, anunciou que estava adiando a edição de 2020, prevista para junho e julho na Colômbia e na Argentina, para 2021.

Isso evitará que muitos astros da América do Sul, começando com o seis vezes vencedor da Bola de Ouro, Lionel Messi, precisem abandonar a principal competição de clubes da Europa para acompanhar suas seleções.

Com estes movimentos, a Uefa mantém a sua joia, a Liga dos Campeões, a competição mais rentável que ela organiza (a Euro 2016 gerou 1,9 bilhão de euros em faturamento).

A Champions, uma máquina de ganhar dinheiro, juntamente com a Liga Europa e a Supercopa de Clubes, deve gerar 3,25 bilhões de euros em “receita comercial bruta” nesta temporada, segundo a Uefa.

Uma mina de ouro a ser preservada. Custe o que custar.

 

 

yk/jed/pm/mcd/aam

ECA

JUVENTUS FOOTBALL CLUB

 

Veja também

+ Marco Pigossi sobre reprise da novela Fina Estampa: “Tinha que ser proibida de ser reprisada”

+ Avó de Michelle Bolsonaro morre após 1 mês internada com covid-19

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?