Geral

Suspeito de matar uma família atira em outras quatro pessoas e ateia fogo em casa

Crédito: Reprodução

Lázaro Barbosa de Sousa, de 32 anos, é suspeito de matar um casal, os filhos, atirar em quatro pessoas e atear fogo em uma casa em Cocalzinho de Goiás. O crime aconteceu na noite do último sábado (12), e ele ainda está foragido. A Polícia Militar usa helicópteros e cães farejadores para tentar localizar o criminoso.

Leifert se diz honrado em estreia no ‘Domingão’ e conta que Faustão vetou reprise

Covid-19 mata 71 pessoas no Estado do Rio nas últimas 24h

Segundo a Polícia Militar de Goiás, Lázaro roubou munição e um revólver calibre .32 de fazendas que invadiu. Em nota, a PM-DF detalhou um pouco do que o criminoso fez nas propriedades além de balear os moradores. “Quebrou tudo na propriedade, bebeu e fumou maconha. Obrigou o caseiro a fumar também.”

As vítimas fatais de Lázaro foram o empresário Cláudio Vidal, de 48 anos, e os filhos dele, Gustavo Vidal, de 21 anos, e Carlos Eduardo Vidal, de 15.  Cleonice Marques de Andrade, de 43 anos, esposa de Cláudio, foi sequestrada e morta em seguida. O corpo dela foi encontrado numa mata próxima a casa da família. O suspeito é condenado por um homicídio na Bahia, além de ser procurado por crimes de roubo, estupro e porte ilegal de arma de fogo.

Veja também
+Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, revela que fez cirurgia na vagina
+ Vídeos mostram pessoas preparando saladas com Cheetos no TikTok
+ Mulher e filho de Schumacher falam sobre saúde do ex-piloto
+ Carvão “gourmet” que não suja as mãos vira meme nas rede sociais; ouça
+ Mãe encontra filho de 2 anos morto com bilhete ao lado ao chegar em casa
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago