Esportes

Supercopa da Espanha: cinco coisas que o Athletic Club pode fazer para surpreender o Barcelona na decisão

Barça venceu os dois últimos duelos diante da equipe de Bilbao. Final entre as equipes será disputada neste domingo, às 17h, no Estádio Olímpico de La Cartuja, em Sevilla

Supercopa da Espanha: cinco coisas que o Athletic Club pode fazer para surpreender o Barcelona na decisão

Apesar dos problemas extracampo, o Barcelona – que ainda não sabe se poderá contar com Lionel Messi na grande decisão – foi para o único confronto entre as equipes até agora nesta temporada como favorito, aproveitando o mal momento do clube de Bilbao na LaLiga e venceu por 3 a 2 fora de casa. Ampliando para mais um ano o jejum do Athletic de não derrotar os Culés nos dois jogos de uma mesma temporada desde a longínqua 1987/1988.

Por outro lado, o clube basco emendou quatro jogos de invencibilidade entre 2018 e 2020, até eliminando o rival na Copa do Rei nesse período. Inclusive, em 2015, na última vez que disputou a Supercopa da Espanha, o Athletic saiu vencedor batendo justamente a equipe catalã. Algo que, mesmo com o favoritismo atual do Barça, pode voltar a acontecer se…

1 – O ATHLETIC DEIXAR A BOLA COM O BARCELONA

O clube de Bilbao não precisa de muita posse de bola para vencer suas partidas nas últimas temporadas. Foi assim nos últimos triunfos sobre o Barça, em 2019/2020 – com apenas 28% de posse no duelo da LaLiga e, em seguida, 32% na partida da Copa do Rei. Em ambas as ocasiões, eles se concentraram em limitar o espaço dado ao Barcelona e, em seguida, procuraram dar o ‘golpe fatal’ na outra extremidade sempre que tiveram a chance. Isso, sem falar que a posse também foi menor diante do Real Madrid, na vitória por 2 a 1 na última quinta-feira, que credenciou o clube à essa grande final.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

Unai Nunez - Athletic Bilbao

Unai Núñez (D) é destaque do Athletic (Foto: AFP)

2 – COMEÇAR COM UNAI NÚÑEZ

Unai Núñez já chegou a ser a terceira opção de defesa no Athletic, atuando em apenas 20 partidas na última temporada. Mas, é importante lembrar que o espanhol possui um ótimo retrospecto recente diante dos Blaugrana, estando presente justamente nas duas vitórias citadas acima – e atuando 90 minutos em ambas as ocasiões, roubando a cena em partes dos duelos. Isso, sem falar que ele é um jogador altamente versátil. Pode ser uma boa arma para parar o melhor ataque da LaLiga Santander desta temporada (37 gols em 18 partidas).

3 – LIONEL MESSI AUSENTE

Por falar no poderio ofensivo dos comandados de Ronald Koeman, se Messi não jogar… as chances do Athletic crescem. Afinal, o craque do Barcelona se lesionou no duelo contra o Granada e não atuou na última quarta-feira contra a Real Sociedad – seguindo, assim, como dúvida para a grande final do torneio.

E a ausência do argentino deve ser comemorada pelo lado basco por um simples motivo: quando Messi não balança as redes neste duelo, as chances da equipe de Bilbao somar um ponto, ou três, são substancialmente maiores – fazendo com que a porcentagem de vitórias do Barcelona caia de 81% para 47%. No total, Messi marcou 26 gols em 38 partidas contra o Athletic.

4 – LUTAR ATÉ O FIM

Se o Athletic tiver a chance de marcar em qualquer momento da partida, então, é claro, eles tentarão marcar. Mas uma lição clara dos encontros anteriores com o FC Barcelona é que os jogadores – sejam eles comandados por Setién ou Koeman – são vulneráveis ​​a gols tardios, aqueles marcados perto do fim do duelo.

Barcelona x Athletic Bilbao - Comemoração

Aduriz foi algoz do Barça com um golaço em 2019 (Foto: AFP)

Em 2019/2020, o agora aposentado Aritz Aduriz fez o gol da vitória aos 89 minutos no encontro pela LaLiga Santander, enquanto que na Copa do Rei o gol da classificação saiu aos 93. No embate desta temporada, mesmo com a vitória do Barça por 3-2, o último gol do encontro foi marcado pelo time basco, aos 90, com Iker Muniain. Com isso, deixar o Barcelona com pouco tempo para reagir após um gol daria a eles uma grande chance de fazer história.

5 – RAÚL GARCÍA INSPIRADO

Autor dos dois gols da vitória sobre o Real Madrid na última quinta-feira, Raúl está mais que acostumado a grandes jogos. Multicampeão com o Atlético de Madrid entre 2007 e 2015, o artilheiro mantém a pontaria firme desde que chegou a Bilbao – marcando, inclusive, 15 gols na LaLiga de 2019/2020. Resta saber se conseguirá repetir isso no duelo deste domingo (17), às 17h (de Brasília), quando Athletic Club e FC Barcelona disputarão o título da Supercopa da Espanha.

Raul Garcia

Raul Garcia comemora gol pelo Athletic Bilbao (Foto: Divulgação)

Veja também

+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Aprenda 5 molhos fáceis para aproveitar o macarrão estocado
+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Perlla mostra tatuagem ousada no bumbum
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Editora estreia com o romance La Cucina, uma aventura gastronômia e erótica