Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Tiago Valente deu a letra quando lançou no TikTok a hashtag #bienaldolivrosp. Em minutos, centenas de usuários começaram a postar vídeos com a tag do evento. De celular em punho, o público, majoritariamente adolescente, aponta quais cinco autores gostariam de conhecer, na expectativa de serem escolhidos por um sorteio feito pela Bienal em parceria com o TikTok. Valente, de 24 anos, é mestrando em Letras na Universidade Federal de São Paulo e vai participar da Bienal na mesa que debate produção da comunidade literária nas redes sociais, dia 3, às 13h.


+ MC Neguinho JM é morto a tiros durante perseguição policial em SP
+ Datena, Faustão, Renata Fan e Neto, quanto ganham as estrelas da Band?
+ Tudo o que você precisa saber para fazer o feijão perfeito

Autor de e-books como Conselhos de Natal, ele costuma fazer parcerias pagas com editoras, como a Record e a Companhia das Letras, entre outras. Em seu canal na plataforma, o Receita Literária, o influencer é acompanhado por mais de 350 mil usuários só no TikTok; são flashes de 30 segundos, às vezes menos tempo, em que Valente comenta best-sellers, como os recém-lançados Romance Real, de Clara Alves (Seguinte), ao quadrinho celebrado de Alice Oseman, criadora de Heartstopper (Seguinte), que virou assunto depois da adaptação feita pela Netflix.

São histórias fofas e açucaradas, tramas muitas vezes sem muita engenhosidade, mas chamarizes para leitores mais jovens. Entretanto, é um nicho aquecido no mercado e vem estimulando casas editoriais brasileiras a entrar na corrida pela atenção de novos leitores.

“Antes do TikTok, amantes de livros estavam falando sobre eles no Instagram e no YouTube, mas isso não tinha o impacto de tornar um título um best-seller instantâneo. O algoritmo do TikTok favorece a viralização instantânea, sem que o criador de conteúdo precise de grandes produções como cenário, edição”, explica a editora executiva da Galera Record, Rafaella Machado.

RECEITA DE SUCESSO

O Receitas Literárias une duas categorias que bombam tanto no TikTok quanto no Instagram: comida e livros. Em um dos envios mais bem-sucedidos, Valente preparou o famoso bolo de chocolate que a garotinha Matilda, personagem do romancista inglês Roald Dahl (1916-1990), atirava magicamente na diretora malvada da escola. Um clássico que ganhou o cinema pelas mãos de Danny DeVito, com Mara Wilson como protagonista – e ganha um cenário instagramável nesta edição da Bienal.

FANTASIA

A produção ficou a cargo da Galera, editora jovem do Grupo Editorial Record, primeira a conseguir um selo de verificação do TikTok. “O booktok permite uma comunicação mais objetiva e mais vida real, priorizando o conteúdo do livro em poucos segundos, o que acaba passando uma credibilidade ainda maior para aquilo que está sendo dito. Especialmente com a geração Z”, completa Machado.

AUTORES

São muitos os best-sellers juvenis que focam temas pungentes para as novas gerações, como as narrativas com protagonistas LGBT+, livros que vão de Vermelho, Branco, Sangue Azul (Seguinte), de Casey McQuiston, ao Romance Real, lançamento que Valente divulgava há alguns dias no TikTok.

Para debater como os booktokers lidam com histórias e diversidade, a Galera Record resolveu organizar uma mesa no dia 9 de julho, às 11h30, com jovens autores prodígios no gênero, como Elayne Baeta, Felipe Cabral, Juan Jullian, Ray Tavares, Bianca Briones, Giu Domingues e Babi A. Setti.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.