Geral

STJ concede prisão domiciliar ao doleiro Dario Messer

STJ concede prisão domiciliar ao doleiro Dario Messer

O doleiro Dario Messer conseguiu o direito a prisão domiciliar por meio do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Ele está preso desde 2019 na operação Lava Jato, acusado de lavagem de dinheiro e cumpre pena em Bangu, no Rio de Janeiro. As informações são do Uol.

A defesa de Messer solicitou a substituição da prisão preventiva pela domiciliar com uso de tornozeleira eletrônica já que o doleiro está no grupo de risco da Covid-19. Ele esteve internado em hospital no período de 18 a 20 de março. Para a defesa, isso o coloca no grupo de “possível transmissor da doença”.

Na decisão do STJ, o juiz Reynaldo Soares da Fonseca avaliou que “o paciente comprova ser idoso (61 anos) e portador de comorbidades que necessitam de acompanhamento constante (hipertensão, tabagismo e neoplasia maligna de origem dermatológica). Além disso, os crimes imputados ao paciente – evasão de divisas e lavagem de dinheiro – não envolvem violência ou grave ameaça”.

O juiz também autorizou a “saída do lar para a realização de tratamento médico, devidamente comprovado”.

Veja também

+ Maria Zilda relembra como soube que Ary Fontoura era gay: “A coisa mais incrível que já ouvi”
+ Toyota Corolla Cross é SUV do Corolla para brigar com Jeep Compass e cia; confira imagens oficias
+ Robert De Niro reduz limite do cartão da ex-mulher e diz que coronavírus implodiu suas finanças
+ MasterChef estreia sem "supercampeão" e cheio de mudanças
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Coronel da PM diz que Bolsonaro é ‘falastrão’ e renuncia à entidade de Oficiais
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior