Geral

SP: Professor de música é encontrado morto e com marcas de agressão dentro de casa

Crédito: Reprodução/Facebook

O professor Wesley Camargo foi vítima de latrocínio, segundo a polícia (Crédito: Reprodução/Facebook)

Wesley Eckstein de Camargo, professor de música de 45 anos, foi achado morto dentro de casa nesta sexta-feira (27) em São Simão, no interior de São Paulo. A polícia suspeita de latrocínio. As informações são do G1.



+ O lado mais perverso de cada signo
+ Modelo casado com 8 mulheres ‘ganha’ tatuagens no corpo delas
+ Moto também é coisa de mulher: habilitação feminina cresce 80%

Além do crime, a Polícia Civil afirma que o violino e o micro-ondas da vítimas foram levados. Wesley tinha comemorado aniversário na última quarta-feira (25) e foi visto pela última vez no dia seguinte, ao retornar do trabalho com uma colega de trabalho.

Após não aparecer no trabalho pela manhã de sexta-feira, a diretora da escola onde o professor trabalhava em São Simão (SP) foi com a diarista de Wesley para verificar o que estava acontecendo. No local, o encontraram caído no chão.

De acordo com a polícia, a vítima estava amarrada, com panos cobrindo o rosto e uma gravata no pescoço. Há a suspeita do crime ter começado no quintal de casa, pois foram encontradas marcas de sangue no local.