Geral

SP: Mulher estuprada pelo ex foi obrigada a gravar vídeo sendo violentada

Crédito: Reprodução

A jovem de 23 anos, que foi sequestrada e estuprada durante cinco dias pelo ex-namorado em Itanhaém, no litoral de São Paulo, também foi obrigada a gravar os estupros e fazer um vídeo afirmando que merecia tudo o que estava passando. O homem, de 39 anos, foi preso em flagrante na última quarta-feira (14). As informações são do G1.

Conforme a Polícia Civil, todas as gravações foram feitas com o celular da vítima. Em dos vídeo, a mulher foi obrigada a dizer coisas ruins de sua personalidade, humilhar-se, justificar o que estava vivendo e afirmar que merecia toda a situação. A todo momento ela também é xingada pelo ex.

De acordo com as investigações, o objetivo do agressor era fazer parecer que ele era a vítima. O rapaz também ameaçou enviar a gravação para conhecidos. A polícia apura ainda se o homem faz parte de uma facção criminosa, por conta de algumas referências que fazia no vídeo.

Relembre o caso

A jovem ficou cinco dias em cárcere privado junto com o filho de 5 anos, que presenciou o crime. Segundo a polícia, a vítima mora em São Bernardo do Campo e foi convidada por uma amiga no dia 9 para ir Mongaguá, também no litoral paulista.

Chegando na cidade, ela encontrou o ex-namorado que a segurou pelos cabelos e a levou para uma casa na cidade vizinha. A jovem conseguiu escapar do cativeiro e chamar a polícia, que prendeu o homem em flagrante.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel