Geral

SP: Hospital comunica morte de paciente viva para família

Crédito: Divulgação

O Hospital estadual do Mandaqui em São Paulo comunicou por engano nesta quarta-feira (5) a morte de uma paciente viva para a família. Dona Lúcia está internada desde o dia 27 de julho por suspeita de AVC. As informações são do G1.

O advogado Eder Canavan chegou a ir ao hospital para liberar o corpo da mãe, mas ao chegar ao local, descobriu que ela estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). “Eu falei, ‘minha mãe está viva ali!'”, disse.

A família de Lúcia decidiu registrar um boletim de ocorrência, mas o pedido foi negado pelo delegado que alegou que o erro não se configura crime.

Em nota, a Secretaria Estadual da Saúde pediu desculpas à família e esclareceu que dona Lúcia recebe todos os cuidados após ter um AVC e uma infecção urinária.


+ Advogada é morta e tem corpo carbonizado no Rio de Janeiro
+ Morre Liliane Amorim, influencer de Juazeiro do Norte, após complicações da realização de lipoaspiração

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ 7 tendências de design de interiores que vão bombar em 2021
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

Tópicos

erro hospital SP