Geral

SP: Grávida é encontrada morta dentro de mala; polícia tem 3 suspeitos

Crédito: Reprodução

Cíntia Silva dos Santos foi encontrada morta (Crédito: Reprodução)

A jovem Cíntia Silva dos Santos, de 22 anos, foi encontrada morta dentro de uma mala em uma região de mata, em Mogi das Cruzes (SP), na terça-feira (21). De acordo com os familiares, a vítima estava grávida e foi vista pela última vez na quinta-feira (16), quando entrou em um carro de aplicativo para encontrar um ex-namorado. As informações são do Uol.

O desaparecimento da jovem havia sido registrado no domingo (19). De acordo com o delegado Paul Henry Verduraz, a polícia trabalha com três suspeitos do crime: o ex, que ela teria visitado no dia em que sumiu, e o atual namorado, que também é seu ex-padrasto, e o pai do bebê que a jovem esperava.


Conforme Verduraz, o ex da vítima é investigado por estupro e violência doméstica. “Nós constatamos que ele estava com o benefício de uma saída temporária de 14 a 20 de junho, requisitamos à Justiça a ida dele à polícia, para ouvi-lo”, afirmou o delegado ao Uol.

Segundo a família, na casa do rapaz, a jovem teria avisado que recebeu uma ligação do atual namorado, que também teve um relacionamento com a mãe da vítima. “Enquanto ela estava com o Fabricio, nos últimos momentos de sua vida, ela comunicou aos familiares que iria encontrar com uma pessoa com quem mantinha um relacionamento. Então nós também iremos ouvi-lo”, explicou Verduraz.

A Polícia Civil aguarda o laudo necroscópico para confirmar a causa da morte da jovem. “Quem a matou estava com um sentimento de muita raiva, é isso que a gente presume”, disse o delegado. O caso foi registrado como homicídio no 4º DP de Mogi das Cruzes.