Geral

SP: Casal suspeito de aplicar ‘golpe do Tinder’ em piloto é preso; vítima foi morta a tiros

Crédito: Arquivo pessoal

Maurício Norberto Bastos (Crédito: Arquivo pessoal)


Nesta segunda-feira (7), a Polícia Civil de São Paulo prendeu um casal suspeito de ter aplicado o “golpe do Tinder” no piloto Maurício Norberto Bastos, de 52 anos. Segundo os agentes, a vítima foi até a Vila Lageado (SP) após marcar um encontro pelo aplicativo de relacionamento. Assim que estacionou o seu veículo Mercedes-Benz, avaliado em R$ 50 mil, houve uma tentativa de assalto e ele foi morta a tiros. As informações são do portal R7.

Segundo os agentes, câmeras de segurança registraram o momento em que um Fiat Pálio estacionou ao lado da Mercedes e duas pessoas desembarcaram e se aproximaram do piloto.

Após os disparos, Maurício fugiu, mesmo ferido, e dirigiu até a avenida General Mac Arthur, onde bateu o seu veículo contra um poste.

O piloto chegou a ser socorrido e levado para o Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Investigação

Uma equipe da 3ª Delegacia de Antissequestro investigava a região quando viu o Fiat Pálio saindo de dentro de uma comunidade.

Nesse momento, houve a ordem de parada, que não foi obedecida.

Teve início uma perseguição com trocas de tiros. O veículo foi encurralado e um homem e uma mulher foram presos.

O delegado Tharcio Severo disse que eles fazem parte de uma quadrilha, com outras sete pessoas, que aplica golpes no Tinder e também atraem os homens para que os seus veículos sejam roubados.

Ainda de acordo com ele, o Fiat apreendido está envolvido em outros dois casos de sequestro na região do Jaguaré (SP).

Sepultamento

O sepultamento do piloto Maurício Norberto Bastos está previsto para ocorrer nesta terça-feira (8) no Cemitério e Crematório Jardim da Paz, em São José do Rio Preto (SP).