ISTOÉ Gente

Sônia Bridi critica Bolsonaro na rede social: “Ele não consegue governar”

Crédito: Reprodução Web

A jornalista Sônia Bridi quebrou o protocolo da Rede Globo que é de seus profissionais não se posicionem politicamente em suas redes sociais. Na última  quarta-feira (17) Bridi fez uma publicação em seu perfil no Twitter em que critica o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.

Ela compartilhou um texto da colunista do Valor Econômico Maria Cristina Fernandes em que dizia: “O governo não consegue executar nem 1/3 do que lhe foi autorizado pelo Congresso para o enfrentamento da pandemia. Não é capaz nem de alocar dinheiro para a saúde. Não se trata de não deixar o homem governar. Ele simplesmente não consegue”.

Para complementar o post, Sônia aproveitou para dar a sua opinião pessoal sobre o chefe do Estado. “Ele não consegue governar porque não se dedica a isso”, disparou Sônia Bridi, que contou com o apoio de muitos internautas que se manifestaram concordando com ela: “Não tem capacidade ou intelecto”, respondeu um. “Quanto a pessoa é inepta, nem com dedicação”, escreveu outro.

Confira o post de Sônia Bridi:


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Carla Perez fala sobre vida nos EUA: “Aqui é vida normal”
+ Denise Dias faz seguro do bumbum: “Meu patrimônio”
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel