Mundo

Sobe para 44 número de mortos em incêndios na Califórnia

PARADISE, 13 NOV (ANSA) – Ao menos 44 pessoas morreram e mais de 200 estão desaparecidas nos incêndios que atingem o norte e o sul da Califórnia, nos Estados Unidos, anunciou Kory Honea, xerife do condado de Butte.   

“A minha esperança é que eu não tenha de voltar aqui a cada noite e anunciar um número maior e maior”, lamentou o policial em coletiva de imprensa na noite desta segunda-feira (12). Esse já é o pior incêndio na história do estado e entra em seu sexto dia nesta terça (13).   

Até o momento, mais de 250 mil pessoas tiveram de deixar suas casas por causa do fogo, e as estradas que servem de rota de fuga registram trânsito intenso.   

Os incêndios já destruíram mais de 7 mil estruturas, sendo a maioria delas casas. Em Malibu, lar de estrelas do cinema e da música, as chamas queimaram uma área de 364 quilômetros quadrados e evacuaram astros como Lady Gaga, Kim Kardashian, Will Smith e Guillermo del Toro.   

O presidente Donald Trump afirmou no Twitter, também na segunda-feira (12), que aprovou um pedido para declarar estado de desastre na Califórnia, o que permite o envio de recursos adicionais pelo governo federal para reduzir os danos.   

O incêndio Camp, em Paradise, cidade destruída pelo fogo, já queimou 473 quilômetros quadrados e só teve 30% das suas chamas controladas. (ANSA)