Geral

Sobe para 4 o número de mortos no desabamento do Edifício Andréa, em Fortaleza

Crédito: RODRIGO PATRICIO / AFP

O Corpo de Bombeiros do Ceará confirmou na manhã desta quinta-feira, 17, a quarta morte após o desabamento do Edifício Andréa, no bairro do Dionísio Torres, em Fortaleza. Os bombeiros ainda não identificaram a quarta vítima. Sete pessoas foram resgatadas com vida dos escombros. Outras sete estão desaparecidas.

Localizado na esquina das Ruas Tibúrcio Cavalcante e Tomás Acioli, o edifício residencial de sete andares desmoronou por volta das 10h15 de terça-feira, 15. Na noite do mesmo dia, foi encontrado o primeiro corpo, do vendedor Frederick Santana dos Santos, de 30 anos, que estava em um mercado vizinho e acabou sendo atingido pelos escombros.

Nesta quarta-feira, 16, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Ceará, coronel Eduardo Holanda, confirmou mais duas mortes. Segundo a corporação, as vítimas seriam mulheres.

Pessoas socorridas com vida foram encaminhadas para unidades de saúde da rede pública, passaram por cirurgias e estão em recuperação. Inicialmente, os bombeiros haviam informado o resgate de oito vítimas, mas o número foi corrigido para sete. Um dos nomes estaria duplicado na lista apresentada.

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ Pandemia adia cirurgia e saúde de Schumacher piora
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Cantora Patricia Marx se assume lésbica aos 46 anos de idade
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior