Número 1 do mundo, o italiano Jannik Sinner confirmou o favoritismo e garantiu vaga na decisão do ATP 500 de Halle, ao derrotar o chinês Zhizhen Zhang (42º), neste sábado, por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 7/6 (7/2), em 1h40 de partida. Ele disputará uma final em torneios na grama pela primeira vez na carreira.

Sinner enfrentará na final o polonês Hubert Hurkacz, nono no ranking da ATP, que derrotou o alemão Alexander Zverev, número 4 do mundo, por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 7/6 (7/3), em 1h32.

O italiano, de apenas 22 anos, disputará também a sua 18ª final de ATP na carreira. Ele tem três títulos no ano. Antes de chegar na final de Halle, ele venceu o Aberto da Austrália, o ATP 500 de Roterdã e o Aberto de Miami.

“Tive quatro partidas muito difíceis nesta semana, então significa muito chegar à final. Fiz um bom jogo hoje, com muito mais ralis do que ontem. Mas era exatamente disso que eu precisava. Tive que salvar um set point no segundo set e precisei ter cuidado, porque ele estava devolvendo bem. Caso contrário, teria que disputar mais uma partida de três sets. E numa quadra de grama, tudo pode acontecer. Vem sendo uma boa preparação para Wimbledon e estou muito animado”, disse.

Neste sábado, o jogo foi extremamente disputado. Houve apenas uma quebra de serviço, por parte do italiano, que conseguiu fechar no 6/4. O segundo, então, foi ainda mais acirrado. Sinner precisou salvar um set point para virar o duelo e confirmar a vitória com um 7/6 (7/2).

QUEEN’S

O ATP 500 de Queen’s Club terá uma final improvável entre Tommy Paul e Lorenzo Musetti. Número 13 do mundo, o americano venceu o compatriota Sebastian Korda por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 7/6 (7/1). Ele disputará a sexta final, e o terceiro troféu, o segundo em 2024.

Já o italiano passou pelo australiano Jordan Thompson por 2 a 1, parciais de 6/3, 3/6 e 6/3. Musetti conquistou títulos em todas as finais que disputou (Hamburgo e Nápoles), mas não vence desde 2022.