Seu garoto, meu paipai!

No dia em que podia estar dando entrevistas aos mídia internacionais mostrando ser o providencial homem de estado de quem o Brasil tanto precisava, Bolsonaro volta a nos surpreender negativamente.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

No dia em que podia cantar vitória e recolher os merecidos louros, o homem que foi capaz de aprovar a reforma da previdência, decide colocar outro assunto na agenda mediática do Brasil. E de novo contra si.

Então eu pergunto: Presidente, precisava mesmo declarar agora o apoio ao seu filho Eduardo para embaixador dos Estados Unidos? E mesmo que essa pretensão possa até ser legítima, era esta a hora? Presidente, que sentido fez jogar fora uma oportunidade de ouro para aumentar seu poder e reputação internamente e no exterior?

Parabéns pela Previdência presidente. Conseguir a maioria necessária para mudar a constituição e aprovar uma lei que moderniza o estado vai colocar o Brasil na rota das economias modernas, merece uma ovação de pé. São feitos dessa grandeza que escrevem capítulos inteiros na biografia dos homens e deixam marco na história das nações.

Parabéns de novo! Colocar dezessete (17) partidos de acordo no que é essencial depois de tantos anos de políticas em sentido contrário é uma vitória inquestionável – e que é sua.

Por isso insistir agora no zero 3 para Washington é difícil de entender, presidente. Até porque os Estados Unidos são o principal adversário econômico do Brasil. São nosso maior competidor pela liderança global no mercado alimentar e vão dificultar o mais possível, e por todos os meios, o agronegócio brasileiro.

A reforma que o senhor agora aprovou é uma coisa que deixa a Casa Branca preocupada. A competitividade extra que vai chegar ao Brasil por via da reforma da Previdência é uma má notícia para a América que deixa Donald Trump calado no twitter.

Mandar seu filho jantar na sala dele não é bom para o Brasil. É uma falsa boa ideia. O Brasil competitivo do futuro necessita de um embaixador experiente e profissional nos EEUU. Um cara de Poker, não o filho do cara.

O futuro do Brasil não pode depender de relações familiares. Zero 3 acabou de cumprir 35 anos e tem toda a vida pela frente, expô-lo a uma sabatina na Comissão das Relações Exteriores será um embaraço do ponto de vista político para Jair e para Eduardo.

E pode até ser que os dois aguentem a pancada, mas o Brasil não precisa. Nem merece.

Veja também

+ Por decisão judicial, Ciro Gomes tem imóvel penhorado em processo com Collor

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

Tópicos

Bolsonaro

Sobre o autor

José Manuel Diogo é autor, colunista, empreendedor e key note speaker; especialista internacional em media intelligence,  gestão de informações, comunicação estratégica e lobby. Diretor do Global Media Group e membro do Observatório Político Português e da Câmara de Comércio e Indústria Luso Brasileira. Colunista regular na imprensa portuguesa há mais de 15 anos, mantém coluna no Jornal de Notícias e no Diário de Coimbra. É ainda autor do blog espumadosdias.com. Pai de dois filhos, vive sempre com um pé em cada lado do oceano Atlântico, entre São Paulo e Lisboa, Luanda, Londres e Amsterdã.


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.